Depois de um trabalho de dois anos, que incluiu cursos, treinamentos e aplicação de tecnologias e métodos, 15 produtores colocaram a uva fina de mesa de Marialva na seleta lista de localidades brasileiras com indicação geográfica e ainda neste ano terão direito ao Selo de Indicação de Procedência, concedido pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi).

Além de Marialva, ao todo foram quatro localidades em todo o Brasil que se juntaram neste ano a outras 49 com produtos e serviços já certificados e que compõem o Mapa das Indicações Geográficas.

O Mapa é fruto de uma parceria entre o Inpi e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Além da certificação da procedência, é feito o reconhecimento de produtos e serviços cujas qualidades se devam exclusivamente ao meio geográfico de uma determinada região. Nesse caso, a localidade requerente recebe certificação de Denominação de Origem.

"Sob orientação do Sebrae, estes produtores levaram dois anos para se adequarem às exigências estabelecidas pelo Inpi, mas agora terão sua uva diferenciada, com rastreabilidade, segurança alimentar e outros atributos que agregam valor ao produto", disse o gerente regional do Sebrae, Luiz Carlos da Silva.

"Seguindo as orientações corretas, produzimos agora uma uva que, além de doce, tem um tamanho de baga maior, uma coloração mais atraente e cachos grandes e bonitos", explica Celso Takashi Inoue, um dos produtores que participam do programa e terão a certificação.

O produtor Antonio Peres Martins destaca que a denominação de origem é um reconhecimento de fatores geográficos (clima e solo, por exemplo) como determinantes para as características do produto final, como é o caso da uva fina de mesa de Marialva. "A uva de Marialva já é famosa em todo o Brasil, mas agora, com o Selo de Indicação de Procedência o consumidor saberá que está adquirindo uva colhida com o brix ideal para consumo e alto padrão de qualidade. Se por um lado é garantia para o consumidor, por outro é a valorização do trabalho do produtor".

Participe e comente