923 caixas de 40,8 quilos é a média de produtividade de laranja no Paraná, a mais alta do país. Em nível nacional, a quantidade média não passa de 553 sacas por hectare. Com 25 mil hectares plantados, o Paraná reveza com a Bahia a terceira colocação entre os Estados produtores, que têm São Paulo e Minas Gerais à frente

EFEITO TRUMP Está esquentando a divergência comercial entre Estados Unidos e China e os primeiros a sentirem os desdobramentos dessa crise são os produtores de soja norte-americanos e brasileiros.

EM VIGOR Como as tarifas impostas pela China a bens norte-americanos, incluindo produtos agrícolas, já estão valendo, a cotação da soja apresenta queda no mercado dos Estados Unidos, chegando na semana passada a 7,79 dólares, a mais baixa em uma década.

FOI MAL Ou seja, para os produtores de grãos dos EUA, que ajudaram a eleger o presidente Trump, a chegada dele na Casa Branca foi um tiro no pé.

AQUI Por sua vez, a soja que será embarcada em agosto no Porto de Paranaguá está mais de 2 dólares acima dos preços futuros de Chicago, uma diferença que não se via desde 2014.

EM ALTA A cotação da soja era de R$ 77,50 a saca na tarde de ontem em Maringá, mantendo-se firme.

COMPRANDO A demanda pela soja brasileira está aquecida e, na última semana, os chineses levaram daqui 1,1 milhão de toneladas, não efetuando nenhuma aquisição nos EUA. Brasil e EUA respondem por 80% das exportações mundiais do grão.

DEPENDENDO O especialista da Safras & Mercados, Luiz\ Fernando Roque, observa que a China está cada vez mais dependente da soja brasileira. O acréscimo no prêmio pago ao grão brasileiro é equivalente a dois terços do custo das tarifas que a China pretende cobrar sobre os embarques dos EUA. É briga de gigantes.

PÕE GIGANTE NISSO Por falar na China, os grupos Sinochem Group e a ChemChina estudam se unir para criar uma nova empresa, de acordo com informações do portal Agropages. A intenção dos dois grupos é formar a maior empresa de produtos químicos industriais do mundo, avaliada em cerca de US$ 120 bilhões.

ENCONTRO A 9ª edição do Encontro Técnico Avícola, de 24 a 26 deste mês no Vivaro Centro de Eventos em Maringá (PR), vai ser aberta oficialmente com uma palestra às 18h30 daquele primeiro dia, sobre o tema Contexto Econômico Brasileiro, com o convidado especial Arnaldo Jabor.

PARTICIPANTES Realizado a cada dois anos pela Integra e o Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas do Estado do Paraná (Sindiavipar), o Encontro espera reunir cerca de 800 participantes de todo o Estado e outras regiões do país – entre dirigentes e profissionais de empresas e cooperativas que atuam no segmento, lideranças, autoridades, acadêmicos e representantes de empresas fornecedoras.

SETOR A importância da avicultura para a economia pode ser avaliada pelos números obtidos no ano passado, quando o Paraná respondeu por 36% das exportações de carne de frango do Brasil. Segundo o Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), as receitas em exportações aumentaram 8,4%, somando US$ 2,51 bilhões, ante US$ 2,32 bilhões de 2016. Ao todo, 1,57 milhão de toneladas da proteína foram destinadas ao mercado internacional em 2017.

DIA DE CAMPO Na próxima sexta-feira, a Cocamar promove em sua Unidade de Difusão de Tecnologias (UDT), que fica às margens da PR-317 entre Maringá e Floresta, o Dia de Campo de Inverno.

O QUE VER No local, estarão sendo demonstradas tecnologias diversas e também o desempenho de híbridos de milho, entre outras culturas. Segundo a cooperativa, a previsão é que o evento receba cerca de 2 mil visitantes.

MILHO O Brasil deve colher neste ano em torno de 55 milhões de toneladas de milho de segunda safra, segundo calcula a consultoria Agroconsult, 13 milhões a menos que no mesmo período em 2017, quando a colheita no período foi estimada em 68 milhões de toneladas.

NO GERAL Somando o volume de "safrinha" com a safra de verão, a consultoria acredita em uma colheita total de 82 milhões de toneladas na safra 2017/2018.

Sócio diretor da Agroconsult, Andre Pessoa comentou esses números durante o 8º Encontro de Previsão de Safra Anec/Anea, organizado por exportadores de cereais e algodão, em São Paulo (SP). Os dados foram resultado das últimas etapas do Rally da Safra, organizado pela Agroconsult, que analisaram lavouras de milho de meio
de ano.


Participe e comente