Só a vitória interessa ao time maringaense, hoje, contra o Bento Gonçalves-RS
Capitão Ricardinho acredita em reação da equipe para chegar aos playoffs da competição

Das cinco partidas em sequência agendadas para o Copel Telecom realizar diante de seu torcedor na Superliga Masculina de Vôlei, duas já ocorreram e terminaram com derrota dos donos da casa – para o lanterna Juiz de Fora-MG e para o líder Sada Cruzeiro-MG.

Hoje, a partir das 19h30, a equipe maringaense receberá o Bento Gonçalves-RS no Ginásio de Esportes Chico Neto e terá mais uma chance para voltar a vencer. Do contrário, verá o grupo dos oito primeiros que vão aos playoffs se distanciar ainda mais.

O capitão e levantador Ricardinho, com dores no joelho direito, ficou fora da partida contra os cruzeirenses, mas pode retornar ao time diante do Bento Gonçalves. Em quadra ou não, ele garante que os jogadores têm a real noção do momento ruim atravessado pelo time, mas que o pensamento está voltado para a conquista dos três pontos na noite dessa quinta-feira .

"Sei que estamos nos complicando cada vez mais, que tivemos vários jogos na mão para vencer e a coisa infelizmente não vem dando certo. Acredito sim. Tenho de acreditar (que o Copel Telecom vá aos playoffs). E não só eu como todos os jogadores. Falo em nome de todos os jogadores, pois temos nos reunido constantemente e o objetivo é a classificação", menciona o capitão.

Ricardinho não deixa de analisar os prejuízos que uma nova derrota em casa causaria às pretensões do Copel Telecom na temporada 2015/2016. "Nossa equipe foi montada para ficar em quinto ou sexto lugar. Temos totais condições de chegar. Dependemos muito dessa partida com o Bento agora. Senão, ficará praticamente impossível", avisa o levantador.

Se Ricardinho não entrar no jogo de logo mais, Thiago Gelinski será o dono da vaga. E ele faz coro ao discurso de seu capitão ao também avaliar o Copel Telecom em condições de chegar aos playoffs. "Só jogamos três vezes no segundo turno [a partida com o Taubaté-SP, pela primeira rodada, foi transferida para o dia 19 deste mês]. No entanto, teremos um jogo importantíssimo com o Bento Gonçalves, já que travaremos com eles uma briga direta pelos playoffs", frisa.

Caminho para a vitória

Para que o time de Maringá vença o confronto com o Bento Gonçalves, Ricardinho pede que os jogadores tenham regularidade e tranquilidade para acertar a bola no chão nos momentos decisivos.

"Como estamos em 11º lugar, toda partida para nós é muito dura psicologicamente, pois sabemos que precisamos do resultado de qualquer forma", comenta o capitão. "Nossa equipe tem tido altos e baixos gravíssimos no campeonato. Temos que manter o foco em cada final de set, que é o que mais tem nos preocupado. A grande preocupação, novamente, é buscar um padrão de jogo do início ao final do set", acrescenta o camisa 17.

No jogo passado, contra o líder Sada Cruzeiro, por exemplo, o Copel Telecom chegou a ter boa vantagem de pontos no primeiro e terceiro sets, mas acabou sofrendo a virada e terminando o confronto com derrota por 3 sets a 0.

Complemento da rodada
Outros cinco jogos serão realizados também nesta quinta-feira e fecharão a quinta rodada da Superliga. No mesmo horário da partida do Copel Telecom, o Minas Tênis Clube-MG receberá o Juiz de Fora, enquanto as demais partidas estão marcadas para as 20 horas: Sada Cruzeiro x Montes Claros-MG, Sesi-SP x São José dos Campos-SP e Canoas-RS x Novo Hamburgo-RS.

NÚMEROS
11 pontos
Tem o time maringaense, que acumula 11 derrotas e somente três vitórias. O adversário de hoje soma 18 pontos.
19 pontos
Acumula o São José dos Campos-SP, oitavo e último colocado na zona de classificação para os playoffs, até o momento.
8 jogos
Ainda serão disputados pelo Copel na 1ª fase. Os próximos três em casa: com Bento, Novo Hamburgo e Campinas.


EM CASA. Após derrotas para os mineiros Juiz de Fora e Sada, o Copel Telecom, do capitão Ricardinho contará novamente com o apoio da torcida. Partida no Chico Neto começa às 19h30. — FOTO: EDU CORRÊA

Participe e comente