O Banco Central afirmou nesta quinta-feira, 18, que "não comenta casos específicos que podem envolver regulados". O comentário, enviado a jornalistas, surge após questionamentos à instituição a respeito de comentários de que, na quarta-feira, antes de estourar o escândalo da delação da JBS, a empresa teria atuado fortemente no mercado de câmbio, contra o real.

O BC ressaltou ainda que, "no âmbito de suas competências legais, o Banco Central apura informações recebidas de várias fontes, com vistas a eventual abertura de processo punitivo".


Participe e comente