O Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês) informou que injetou 498 bilhões de yuans (US$ 75,5 bilhões) no sistema bancário do país nesta sexta-feira por meio de uma linha de crédito de médio prazo. A medida é tomada para fortalecer a liquidez do sistema financeiro.

Em breve comunicado, o PBoC disse em seu site que a linha de crédito tem uma taxa de juros de 3,2% e vencimento em um ano. Tanto a taxa quanto o vencimento são os mesmos de operações anteriores. O banco central também disse que não realizou leilões de recompra reversa nesta sexta-feira. Fonte: Dow Jones Newswires.

Participe e comente