A carga de energia elétrica do Sistema Interligado Nacional (SIN) subiu 2% em março na comparação com o mesmo mês de 2017, e 2,7% contra fevereiro 2018, informou nesta segunda-feira, 16, o Operador Nacional do Sistema (ONS). Ao todo, o SIN consumiu 70.414 megawatts médios, acumulando nos últimos 12 meses alta de 0,6%.

As temperaturas mais amenas em fevereiro explicam a alta de março na comparação mensal, explica em nota o ONS, ressaltando que sazonalmente esse comparativo geralmente registra queda.

A região Sudeste/Centro-Oeste foi a que mais registrou aumento na carga de energia elétrica em março contra março 2018, de 3,1%, seguida pela região Norte, alta de 2,4%, e da região Sul, alta de 2,4%.

"O comportamento da carga de energia é afetado diretamente pelo desempenho da economia, que vem mantendo uma trajetória de recuperação, ainda que modesta", explica o ONS em nota.

Apenas a região Nordeste teve queda no consumo, de 0,8%, explicada pelo ONS como reflexo da redução temporária do consumo de uma indústria que manteve seu consumo de energia zerado ao longo de praticamente de todo o mês, e pela ocorrência de chuvas no litoral.

"Além disso, ocorreu aumento de nebulosidade e precipitação em toda costa leste do Nordeste em parte do mês", completou o ONS.


Participe e comente