Já está em atividade, em Maringá, parte das operações da Alltech do Brasil, empresa líder mundial do setor de saúde e nutrição animal que, de imediato, está gerando cerca de 200 empregos diretos no município.

A apresentação das atividades do escritório e do maior centro de distribuição de produtos da empresa no Brasil foi feita na manhã desta segunda-feira, 4, na Sala de Reuniões do Gabinete, ao prefeito Ulisses Maia, ao vice-prefeito Edson Scabora e ao secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico, Francisco Favoto.

Acompanhado da diretora administrativa para a América Latina, Elaine Rodrigues, e do diretor de operações, José Rodrigo Pocrifka, o diretor estratégico do grupo para a América Latina, Paulo Rigolin, revelou que até "fevereiro do ano que vem o centro de distribuição em Maringá se tornará a maior central corporativa da empresa no Brasil e a terceira maior do mundo".

Rigolin também explicou que a Alltech está classificada entre as dez maiores empresas de saúde animal do mundo, na fabricação de produtos para o mercado de rações para gado de leite e corte, aves, suínos, equinos, aquacultura e pets. No segmento vegetal a empresa atua na elaboração de leveduras aplicadas nos aditivos de seus produtos de nutrição animal e como fornecedora da indústria cervejeira.

A Alltech surgiu em 1993, com sede em Lexington, no Estado de Kentucky (EEUU), e possui filiais e distribuidores em mais de 100 países, além de 3 centros de biociências e mais de 100 instalações fabris localizadas em diversos locais estratégicos no mundo.

Em Maringá, as operações do escritório da empresa estarão centralizadas na região do Novo Centro, enquanto a unidade de distribuição tem sede na Avenida Paranavaí, no Parque Industrial Bandeirantes.

Crescimento conjunto

A empresa chegou ao Brasil em 2004, quando inaugurou o setor administrativo em Araucária (PR), que deverá ser transferido em fevereiro de 2018 para Maringá.

Hoje a Alltech opera com cerca de 600 funcionários no país. Além de atenderem o mercado interno de nutrição animal e vegetal, muitos dos produtos fabricados nas três plantas de produção da subsidiária brasileira são exportados para outros países e outras regiões.

A maior planta de biotecnologia para nutrição animal e vegetal do mundo, opera desde 2007, em São Pedro do Ivaí (PR) - a 80 quilômetros de Maringá - e a companhia também conta com uma unidade em Indaiatuba (SP).

 


Foto: Vivian Silva / PMM
Encontro no Paço Municipal reuniu o prefeito Ulisses Maia, vice-prefeito Edson Scabora, secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico, Francisco Favoto, diretores da empresa, vereadores e secretários municipais

 

Participe e comente