Servidor público na Prefeitura de Maringá há quatro anos, o auxiliar administrativo Marcos Amancio, também estudante de Informática, ocupa um cargo almejado por muita gente. Quem - ainda mais tempos de crise - não gostaria de ser concursado? Apesar da situação confortável,ele se preocupa em manter uma boa rede de contatos profissionais e, por isso, está no LinkedIn - para a alegria dos maringaenses.

Nos últimos meses, Amancio percebeu muitos usuários atualizando o status para 'desempregado' ou 'em busca de recolocação'. Empático, não conseguiu ficar alheio e decidiu ajudar: criou um grupo no LinkedIn, o Work4Ingá, para aproximar os maringaenses que procuram e os que ofertam emprego.

"Procurei grupos ou comunidades de Maringá e achei só uma, que parecia meio abandonada. Como sei o que é ficar desempregado, fiz um grupo para ajudar quem precisa", conta Amancio.

Com o objetivo de motivar as pessoas, mais do que fomentar empregos, ele criou o grupo há duas semanas. Até o fechamento da reportagem já eram 400 participantes, sinal de que a ideia vem funcionando. "Alguns já conseguiram entrevista com empregadores por causa de contatos que fizeram via grupo", comemora.

Como tem recebido muitas perguntas de usuários, Amancio vem buscado conhecimento. Fez até curso online sobre como montar currículo e ter perfil campeão no LinkedIn. "É importante estar bem informado, afinal, é com pessoas que estamos lidando".

Para participar basta procurar o Work4Ingá no LinkedIn e enviar solicitação. Depois, é só acompanhar as postagens ou seguir as instruções para divulgar currículo ou vaga.

Participe e comente