A DOMO Invest (www.domoinvest.com.br), Asset Management de Venture Capital, acaba de anunciar o primeiro investimento do seu novo fundo. Trata-se de um aporte de R$ 4 mi na Noverde (www.noverde.com.br), uma fintech dedicada a soluções de crédito para base da pirâmide econômica. O investimento foi liderado pela gestora e acompanhado pelos atuais investidores-anjo da startup, que nasceu em 2016 e viabiliza empréstimos pessoais exclusivamente pelo celular, de até R$ 4 mil, com parcelamento em até 12 vezes.

“Com essa segunda rodada de investimento, a primeira por meio de um fundo de VC, conseguiremos ampliar nossa capacidade de ofertar empréstimos pessoais online à uma parcela relevante da população que ainda permanece carente de produtos financeiros. Encontramos na DOMO Invest o investidor ideal para nos apoiar e guiar em nosso próximo ciclo de crescimento, que consiste em ajudar cada vez mais pessoas”, afirma Eduardo Teixeira, sócio-fundador da startup.

A Noverde é uma fintech inclusiva, que visa promover o reequilíbrio financeiro por intermédio de uma experiência positiva de empréstimo, sem burocracia, de até R$ 4 mil. Com o aplicativo da startup, disponível de forma gratuita no Google Play, o consumidor só precisa preencher um cadastro simples para ter seu crédito analisado em tempo real. Uma vez pré-aprovado, o cliente deve disponibilizar seus documentos (100% online) e, em até dois dias, o empréstimo será disponibilizado em sua conta bancária (conta corrente ou poupança), com juros menores do que os praticados pelo mercado para essa classe da população. O pagamento do empréstimo pode parcelado em até 12 vezes e todo o relacionamento é feito 100% pelo celular, assegurando a melhor experiência aos clientes e segurança na operação.

“Resolvemos iniciar os investimentos desse fundo, que poderá investir até R$ 100MM, com uma fintech por se tratar de um mercado bastante promissor no Brasil. Enxergamos uma ótima janela de oportunidade na Noverde, que, dentro desse cenário competitivo de crédito, se posiciona como a ferramenta ideal para seus usuários frente à sua simplicidade e ao seu fácil manuseio”, complementa um dos sócios da DOMO Invest, Rodrigo Borges.

Para compor seu fundo de VC, a DOMO Invest procura startups early stage, brasileiras, de cunho tecnológico e com focos de atuação B2C e B2B2C. O intuito é apoiar os empreendedores, nesse estágio de negócio no qual já provaram a aceitação mínima de seu público-alvo, e aportar mais do que somente recursos financeiros, aporte de Smart Money. Com a união de investimento e inteligência, os sócios e gestores da Asset Management são capazes de acelerar o crescimento das startups investidas com foco no médio e longo prazo.

Todo o coaching da DOMO Invest está pautado em contribuições com conhecimento de mercado, estratégias de crescimento inovadoras, desenvolvimento de produtos, estruturação de times ágeis, acesso a novos clientes, fornecedores e funding para as próximas rodadas. Esse conjunto de conhecimentos e qualidades faz parte da rotina dos sócios da gestora.

“A Noverde, mesmo sendo muito nova, conseguiu reunir um time de peso e bastante complementar. Isso nos dá confiança de que estarão aptos para o desafio de crescimento dos próximos anos”, completa Gabriel Sidi, também sócio da DOMO Invest.

As classes C e D já são conectadas pelo celular, têm gosto por plataformas tecnológicas e investem na compra de aparelhos com possibilidade de uso de aplicativos (smartphones). Dessa forma, a existência de uma ferramenta como a da Noverde se torna viável e apresenta grande tração diante de seu mercado-alvo.

Sobre a Noverde
Fundada em 2016, a Noverde nasceu para simplificar o acesso ao crédito à classe C e D, que ainda permanece carente de acesso a produtos financeiros adequados ao seu perfil. Isso porque, dada a atual estrutura dos bancos, esse perfil econômico não é estratégico, uma vez que as instituições financeiras têm uma plataforma robusta, mas com altos custos operacionais. Talvez por isso, tenham tanta dificuldade para oferecer crédito customizado a este perfil de clientes, aliando relacionamento próximo e um custo menor.
Focada exclusivamente na concessão de credito a este público, a Noverde oferta ao consumidor uma experiência de empréstimo positiva, aliando muita agilidade na concessão de empréstimos pessoais de até R$4.000,00, com um processo de cobrança extremamente customizado. Para garantir a máxima segurança e prevenir fraudes, a Noverde combina tecnologia e inteligência. Por exemplo, no processo de cadastro, o cliente envia uma selfie, que é submetida a programas de reconhecimento facial. O sistema também envia os dados do celular e sua geolocalização, tornando possível cruzar essas informações com os dados de endereço enviados pelo usuário. Dentre outras inúmeras variáveis utilizadas para realizar a análise de crédito e do perfil do consumidor. Para mais informações, é só fazer o download do app no Google Play (https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.noverde.noverde).

Sobre a DOMO Invest
A DOMO Invest (www.domoinvest.com.br) surgiu a partir de investimentos em startups de seus sócios desde 2005 e do portfólio montado em conjunto a partir de 2012, que conta com startups de destaque no cenário nacional, a exemplo de Gympass, Hotmart, entre outras. Em 2016, os sócios decidiram abrir um novo fundo para reunir mais investidores interessados no mercado de Venture Capital. Seus sócios têm histórico empreendedor e executivo com vasta experiência em M&A e Mercado de Capitais, buscando contribuir para a profissionalização do mercado de Venture Capital no Brasil. Com foco em startups early stage, que atuam nos mercados B2C e B2B2C, a gestora possui um fundo de VC (FIP – Fundo de Investimento em Participações) de até R$ 100MM, além de contar com, aproximadamente, R$ 200MM sob gestão em fundos e carteiras administradas.



Website: http://www.domoinvest.com.br/pt/home/

Participe e comente