O final de semana para a ginástica artística brasileira pode ser cheio de medalhas. Na etapa de Osijek, na Croácia, da Copa do Mundo, o Brasil encerrou a fase classificatória, nesta sexta-feira, classificado para oito finais e, como tem mais de um finalista em alguns aparelhos, pode conquistar até 11 medalhas. A disputa pelo pódio será neste sábado e no domingo.

Neste segundo dia de competições em Osijek, no masculino, o campeão mundial e olímpico Arthur Zanetti teve a melhor nota na classificatória das argolas, com 14.900. No último fim de semana, o ginasta conquistou ouro na etapa da Eslovênia. Francisco Barreto Júnior será o outro representante brasileiro nesta final - ficou em sétimo, com 13.100.

A barra fixa também terá Chico competindo por medalha. O atleta, quinto colocado no aparelho nos Jogos Olímpicos do Rio-2016, terminou na sétima colocação na fase de classificação, com 13.700. Lucas Bitencourt também se apresentou na barra fixa e foi o 13.º (13.400).

Mais duas finais para o Brasil com a seleção feminina. Flávia Saraiva e Thais Fidelis vão disputar medalha na trave e no solo. Na trave, Flávia foi a quarta melhor (12.950) e Thais a oitava (12.450). No solo, elas fizeram dobradinha na ponta, terminando na primeira e na segunda colocação, respectivamente, com 13.500 e 13.450.

Na última quinta-feira, no primeiro dia de provas classificatórias, Arthur Zanetti garantiu vaga na final do solo, Lucas Bitencourt no cavalo com alças, Francisco Barreto nas barras paralelas e Flávia Saraiva nas paralelas assimétricas. No último fim de semana, na Copa do Mundo da Eslovênia, em Koper, o Brasil conquistou quatro medalhas.

Participe e comente