O técnico Renato Gaúcho comandou nesta terça-feira o último treino antes da partida do Grêmio contra o Botafogo, nesta quarta, às 21h45, no estádio do Engenhão, no Rio, pela rodada de ida das quartas de final da Copa Libertadores. A atividade foi realizada no próprio local do duelo e serviu para reconhecer o gramado antes do importante duelo. Mas tanto o zagueiro Pedro Geromel quanto o atacante Luan não participaram do treino e deram indícios de que podem ser desfalques.

Afastado há um mês por causa de uma lesão muscular na coxa direita, o zagueiro havia trabalhado normalmente ao lado dos companheiros no treino da última segunda-feira, mas apenas correu em volta do gramado nesta terça e não participou da atividade com bola.

A situação de Luan é ainda mais difícil. Com um edema no músculo anterior da coxa direita, o atacante ficou apenas no hotel fazendo tratamento - como já ocorrera na última segunda-feira - e dificilmente enfrentará o Botafogo.

Ainda assim, Renato Gaúcho optou pelo mistério. E assegurou que os dois podem entrar em campo nesta quarta-feira. "Nós temos ainda um pouco mais de 24 horas até a partida, então ninguém está descartado e ninguém está confirmado. Vamos aguardar até amanhã (quarta) e uma hora antes do jogo vocês vão saber. O Luan ficou no hotel, mas temos mais 24 horas. Vamos aguardar e amanhã a gente decide se ele vai jogar", despistou.

Questionado se a presença de Luan no hotel não seria um indicativo de sua indisponibilidade, Renato Gaúcho desconversou durante a entrevista coletiva. "Às vezes o jogador não treina com bola e faz outro tipo de trabalho", ponderou. "Dependendo do jogador vale a pena esperar até o último minuto se vai jogar ou não".

Participe e comente