A palavra de ordem para 2018 é "suavidade". Os projetos estilo urbano e industrial ainda têm lugar na decoração de interiores. Por outro lado, aumenta a presença de elementos naturais como rochas, madeira, plantas e pedras que sugerem integração com a natureza (veja mais no quadro ao lado).

Os ambientes com uma grande valorização da luz natural recebem móveis de linhas orgânicas ou retas, clean, que suavizam a composição. O ambiente mutável com elementos facilmente cambiáveis agora tem um reforço de aconchego com almofadas em relevo, arredondadas, cortinas e persianas mais transparentes.

As cores das paredes e dos móveis ficam mais suaves e remetem à linha provençal (rosa antigo, azul e verde), os papéis de parede resgatam texturas como linho e seda.

A iluminação natural tem como aliada a iluminação interna que valoriza pontos de interesse dos donos e aumenta a sensação de amplitude de espaços pequenos.
Em relação ao verde, além de decorar, espécies são escolhidas pela utilidade. Por isso, hortinhas com temperos e ervas aromáticas têm tantos adeptos quanto as suculentas.

Participe e comente