O padre José Bortolotte, mais conhecido como Padre Zezinho, faleceu no final da noite desta quarta-feira (8), em Maringá. A Arquidiocese de Maringá comunicou o falecimento na manhã desta quinta-feira. O sacerdote morreu em virtude de complicações causadas pelo diabetes. O corpo está sendo velado na igreja Divino Espírito Santo. Às 12h e 16h haverá missa de corpo presente. O sepultamento será realizado após a missa das 16h no Cemitério Rainha da Paz, em Maringá.

Padre José Bortolotte nasceu dia 20 de outubro de1945 em Jandaia do Sul. Foi batizado em 24/02/1946 na Paróquia N. Sra. Aparecida de Mandaguari. Filho de Otávio Bortolotte e Hilda Monteiro Bortolotte, graduou-se em filosofia  na Universidade Federal do Paraná e em teologia no Studium Theologicum em Curitiba.

Foi ordenado padre no dia 8 de dezembro de 1973 por Dom Jaime Luiz Coelho, na Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Glória, em Maringá.

Padre Zezinho foi nomeado vigário cooperador da Catedral de Maringá em 18/02/1974; trabalhou também na Paróquia São Miguel Arcanjo em Maringá; Paróquia São Francisco de Assis em Maringá; Paróquia Nossa Senhora de Lourdes de Paranacity; foi administrador paroquial na Paróquia São Judas de Cruzeiro do Sul; Em 02/04/1998 foi nomeado Chanceler da Cúria Metropolitana; atuou como Pároco da Paróquia Divino Espirito Santo em Maringá após nomeação em 2006.

O religioso estava em tratamento médico por causa do agravamento dos problemas ocasionados pelo diabetes.

 

VEJA TAMBÉM


Participe e comente