O Projeto de Extensão Tabagismo, desenvolvido pelo Museu Dinâmico Interdisciplinar (Mudi) da Universidade Estadual de Maringá (UEM), foi um dos indicados pelo Conselho Estadual de Políticas Sobre Drogas (Conesd) para receber o "Diploma de Mérito pela Valorização da Vida" neste ano. A cerimônia de homenagem aos premiados será realizada nesta terça-feira (12), às 16 horas, no Palácio Araucárias, em Curitiba.

A premiação é uma iniciativa da Secretaria Nacional de Políticas Sobre Drogas, do Ministério da Justiça, realizada anualmente em todos os estados. Após uma análise do trabalho realizado, são indicadas pessoas físicas e jurídicas que desenvolvam ações de relevância na política sobre drogas. No Paraná, o Cenesd é o órgão responsável pela indicação dos projetos e selecionou o Projeto Tabagismo do Mudi. "Acompanhamos vários projetos importantes mas só podemos indicar dois de pessoas físicas e dois de pessoas jurídicas para o prêmio no estado do Paraná. As ações desenvolvidas vão além das funções destes cidadãos e têm um impacto muito grande na sociedade ", destacou o presidente do conselho, Marcos Pinheiro.

Entre as ações desenvolvidas dentro do Projeto Tabagismo, coordenado pelo professor Celso Ivan Conegero, estão palestras e cursos de capacitação voltados à conscientização da população de Maringá e região, orientação e distribuição de material educativo aos alunos do ensino fundamental e médio; além de ações direcionadas ao tratamento e assistência aos usuários de tabaco.

O coordenador ressaltou que o uso do tabaco leva o indivíduo a inalar, dentre outras substâncias tóxicas, a nicotina que é uma droga que causa a dependência química. "É importante salientar que o uso do tabaco, em muitos casos, pode ser a porta de entrada para outras drogas", disse.

Além do Projeto Tabagismo do Museu Dinâmico Interdisciplinar, receberão o "Diploma de Pela Valorização à Vida", a Divisão Estadual de Narcóticos – Denarc, o procurador de justiça Marco Antônio Teixeira e, em homenagem póstuma, Olien Zetóla pela dedicação no trabalho de prevenção e combate às drogas.

Participe e comente