Uma dentista de Maringá sofreu queimaduras de terceiro grau, em uma chácara na região de Maringá. De acordo com familiares, Maria Dulcinéia Pelosi, participava de um churrasco e acabou atingida pelo fogo quando outra pessoa jogou álcool na churrasqueira. Ela teve 50% do corpo queimado e foi transferida, na manhã desta quarta-feira (13), para o Centro de Tratamento de Queimados, em Londrina. Maria atua como cirurgiã-dentista em Maringá e em Paiçandu.

De acordo com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Maria está em estado gravíssimo, segue intubada e em coma induzido e foi transferida para Londrina de helicóptero.

O acidente aconteceu, segundo familiares, na noite do feriado da Independência – 7 de setembro – em um momento de confraternização entre a família. De acordo com o relato de parentes, uma pessoa jogou álcool de posto de combustíveis na churrasqueira para acender o fogo, mas, com a combustão, as chamas atingiram a dentista.

Familiares disseram, ainda, que um homem tentou ajudar a apagar o fogo, mas acabou queimando os braços. Os dois foram levados pela própria família ao Hospital Universitário de Maringá. Maria foi transferida, porque está em estado mais grave e o outro homem, que não teve o nome divulgado, permanece no HU.

 

Foto: André Almenara

Participe e comente