O deputado federal Luiz Nishimori (PR-PR) esteve na segunda feira (26), na Superintendência Regional do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) do Paraná, em Curitiba, acompanhando representantes da Sociedade Civil Organizada de Paranavaí e Região, para debaterem a questão de Estudo de Viabilidade Econômica Técnica e Ambiental (EVTEA) da Duplicação da BR-376 ligando o Paraná ao Mato Grosso do Sul por uma ponte no Rio Paraná, em Porto São José.

Na ocasião foram recebidos pelo superintendente regional do DNIT, José da Silva Tiago, que explicou a importância dos dois governos estaduais se alinharem junto ao Ministério dos Transportes para concluírem o Estudo e entrarem em consenso para definir como seria executado o projeto de duplicação "a primeira necessidade é o Estudo de viabilidade Técnica a ambiental e a absorção das rodovias, tanto a parte de Mato Grosso do Sul, quanto do Paraná pelo Ministro dos Transportes, ou seja passar essas rodovias para o Sistema Nacional de Viação Federal, o EVETEA é que vai definir se o Projeto é viável".

Resultados

O deputado Luiz Nishimori se colocou desde o início a disposição das lideranças para colaborar com o projeto de duplicação da BR-376 e se disse muito animado com os resultados das reuniões, "esta é a nossa BR do agronegócio, é um projeto fantástico que realmente precisamos concretizar, e estamos avançando para concretizar esta estrada que é muito importante para o nosso Paraná e Mato Grosso do Sul".

Estiveram presentes na Reunião Ivo Perin Júnior, vice-presidente da Federação da Agricultura do Estado do Paraná (FAEP), Antônio Carlos Aleixo, Reitor da Universidade Estadual do Paraná, Dante Ramos Junior, Luís Alberto Rossilho e Demerval Silvestre.

O projeto já foi apresentado para o Ministro dos Transportes Maurício Quintella (PR-AL), para os Governos do Paraná e Mato Grosso do Sul, para o DER, e agora para o DNIT, segundo o Presidente da Amunpar, Fran Boni, Prefeito de Santa Cruz do Monte Castelo, "a duplicação daria maior facilidade de escoamento para a produção dos dois Estados".


ESTUDOS. O deputado federal Luiz Nishimori (PR-PR), durante reunião com o DNIT e outras autoridades


Participe e comente