A qualidade das 80 mil refeições diárias oferecidas para os alunos da Rede Municipal de Ensino é garantida pelo cardápio produzido por nutricionistas da Secretaria de Educação (Seduc), seguindo as normas do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). São 114 unidades educacionais (centros de educação infantil e escolas) contempladas com produtos alimentícios que contribuem com o crescimento, desenvolvimento, aprendizagem e o rendimento escolar, incluindo cerca de 700 alunos com restrição alimentar.

A gerente de Alimentação Escolar da Seduc, Anne Elise Carvajal, explica que todo o cardápio é planejado com produtos balanceados e adequados à idade dos alunos. "Para os alunos do Infantil 1 são servidas 4 refeições diárias, mais alimentação de reforço para as crianças que não se alimentaram bem no almoço ou jantar. Para os alunos do Infantil 2 a 5 e do ensino fundamental integral são quatro refeições diárias e duas para ensino regular", esclarece.

Anne Elise afirma que os alimentos são adquiridos pela Agricultura Familiar e por empresas contratadas por meio de licitação. "De acordo com o PNAE, 30% do recurso investido com alimentação deve ser gasto com produtos de pequenos produtores". /// PMM


Participe e comente