• Produtores rurais apostam na expansão da avicultura

  • Luiz Fernando Cardoso

 

Rafael Silva

Francelino Romano montou o aviário em um sítio de dois alqueires; até agora, nenhum resultado ruim

 


Com a demanda pela carne de frango em alta e o crescimento das exportações, produtores rurais de Maringá e região estão investindo alto no setor. Em Cruzeiro do Sul (a 80 quilômetros de Maringá), o produtor rural Gelson Coelho, que já possui três aviários, diz que pretende construir mais dez barracões.

"Comprei mais cinco alqueires e tenho o projeto pronto. Agora só dependo da liberação do IAP (Instituto Ambiental do Paraná) para usar a área", disse Coelho, que ao todo investirá R$ 4,8 milhões no negócio.

Outro filiado da Frangos Canção, Francelino Romano conta que largou a vida de técnico de instrumentação elétrica, em São Paulo, para morar e investir em Maringá.

 

Opinião
"É um bom investimento, mas exige
muito cuidado com o pintinhos. Até
hoje não tirei nenhum resultado ruim"
Francelino Romano
Avicultor

Em busca de um negócio rentável, comprou um sítio de dois alqueires – no limite entre Maringá e Marialva – e com um investimento de R$ 290 mil montou o primeiro aviário, com 150 metros de comprimento e 15 metros de largura. "Comprei o terreno já pensando em montar o barracão."

 

 

Peso

Dono de um dos aviários mais modernos da região, com sistema de refrigeração automatizado, Romano cria frangos para exportação. Ele conta que as aves precisam ganhar mais peso do que aquelas abatidas para o consumo dentro do País.

"Meu aviário é para receber 35 mil pintinhos, mas para pegar pelo menos três quilos, a capacidade diminui para 31 mil frangos. Para exportação é exigido um peso bom", comenta o produtor.

Para atingir três quilos, um frango leva 45 dias. "Se falar isso pra tua avó, ela não acredita", brinca Romano, que tirou R$ 18 mil da última criada. "É um bom investimento, mas exige muito cuidado com o pintinhos. Até hoje não tirei nenhum resultado ruim. Tem rendido uma média de R$ 19 mil por criada, com o valor de R$ 0,60 pago por frango", diz Romano, que dá conta de todo o trabalho no aviário apenas com a ajuda do neto.

Veja também

O portal odiario.com reserva-se o direito de não publicar comentários de conteúdo difamatório, calunioso e ofensivo. Os comentários não autorizados ficarão visíveis somente para os contatos/amigos da rede social do autor.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Shopping

Anuncie nos classificados de O Diário

Pague com:

Loterias

  • Números sorteados
  • 19
  • 23
  • 34
  • 40
  • 41
  • 58

Publicidade

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal odiario.com não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com odiario.com para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato pelo e-mail parceria@odiario.com.

odiario.com 2010 © Todos os direitos reservados à Editora Central Ltda - odiario.com é um parceiro do IG Regionais.