O embaixador da Coreia do Norte Han Tae Song reagiu nesta terça-feira, um dia após o Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas aprovar novas sanções contra seu país. A autoridade afirmou que seu país rejeita "categoricamente" a resolução da ONU, que impõe novas restrições aos programas nuclear e de mísseis de Pyongyang.

O diplomata ainda criticou os Estados Unidos, durante uma sessão plenária da Conferência da ONU sobre o Desarmamento. Ele afirmou que a Coreia do Norte denuncia a "intenção malévola" do governo do presidente Donald Trump e iria "garantir que os EUA paguem o preço devido" por trabalharem pelas novas sanções contra os norte-coreanos. Fonte: Associated Press.

Participe e comente