A família do menino desaparecido João Rafael Kovalski, de dois anos, recebeu a ligação de uma mulher que afirma ter visto a criança na Holanda. Segundo a tia de João, Elizabete Morse, ela disse que viu o menino em pelo menos duas ocasiões, no aeroporto e em uma pista de patinação em Amsterdã.

A mulher que contatou a família, identificada apenas como Lisa, tem um site de crianças desaparecidas no Brasil e na Holanda e acompanha o caso de João desde que ele sumiu em Adrianópolis, em 24 de agosto do ano passado.

Leia a matéria completa no portal da Banda B.

 

VEJA TAMBÉM


Participe e comente