Uma colisão entre caminhonetes na PR-158, entre Campo Mourão e Peabiru, na tarde desse sábado (11), provocou a morte do médico Diogo Ferraz Salvador, de 32 anos. O filho dele, de 2 anos, foi socorrido em estado grave e levado ao hospital.

O acidente ocorreu por volta das 15h15, no quilômetro 207. Conforme informações colhidas no local, Salvador conduzia a Mitsubishi L200 Triton, placas de Mamborê, que também era ocupada pela esposa e os dois filhos.

A outra caminhonete envolvida é uma Chevrolet S10, placas de Cianorte. Segundo relato do motorista, ele seguia sentido Campo Mourão, momento em que foi ultrapassar um caminhão e o condutor da L200, possivelmente para não bater na traseira do caminhão, jogou a caminhonete para o acostamento e, ao retornar para a pista, bateu na S10, provocando o capotamento dos dois veículos, que foram parar na pista de sentido oposto.

Salvador sofreu ferimentos graves, chegou a ser encaminhado à Central Hospital – local em que atuava como médico – mas, minutos depois, entrou em óbito. A esposa dele, de 34 anos, sofreu lesões leves e foi levada para a Central Hospitalar. A filha de 4 anos não se feriu, mas o irmão, de 2 anos, teve ferimentos graves e precisou ser transportado de helicóptero para a Santa Casa de Maringá.

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), as duas crianças estavam em cadeirinhas.

O motorista da S10 não se feriu. A rodovia precisou ficar interditada por cerca de duas horas para o atendimento das vítimas.

*Com informações de Tásabendo.com e fotos de Rafael Silvestrin

Participe e comente