Dois funcionários da farmácia Droga Raia, no centro de Maringá, foram agredidos durante uma tentativa de assalto, na manhã desta segunda-feira. De acordo com outra funcionária do estabelecimento, localizado em frente à Praça Raposo Tavares, as vítimas foram agredidas e trancadas no banheiro.

Isadora Zanella Rambo, de 23 anos, e Davi Garcia Miranda, de 22, chegavam para abrir a farmácia de manhã e foram surpreendidos por um homem armado. Segundo o relato deles, o homem deu várias coronhadas na cabeça dos funcionários e os trancou no banheiro.

Quando o suspeito já havia fugido, uma outra funcionária chegou ao local e libertou os colegas e acionou a polícia e o Corpo de Bombeiros. Como as vítimas ficaram trancadas, ainda não se sabe se o ladrão conseguiu roubar alguma coisa, mas a polícia analisará as imagens das câmeras de segurança internas e externas.

Os funcionários também relataram que ouviram um disparo de arma de fogo possivelmente na hora da fuga do ladrão. Eles foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e encaminhados ao Hospital Santa Rita.

A assessoria de imprensa da Droga Raia informou que a farmácia "está prestando todo o auxílio necessário aos colaboradores que estavam no local e a empresa se coloca à disposição das autoridades para a apuração dos fatos".

Foto: André Almenara
A ação aconteceu na farmácia localizada na Avenida Brasil, em frente à Praça Raposo Tavares


Foto: André Almenara
Vítimas foram socorridas pelo Corpo de Corpo de Bombeiros e encaminhadas ao Hospital Santa Rita

Participe e comente