Duas jovens, de 22 e 23 anos, foram flagradas pela equipe de vigilância da Universidade Estadual de Maringá (UEM), quando pichavam uma parede da instituição, nas proximidades da Rua 10 de maio. As duas foram detidas e encaminhadas à delegacia e, de acordo com a vigilância, são estudantes da universidade.

Segundo o chefe da vigilância, Francisco Dourado da Silva, por volta de 0h30 desta quarta-feira (10), as suspeitas pararam o carro no estacionamento, que fica em frente a central de vigilância e desceram, indo para o interior do campus. "Os agentes viram o carro estacionado, naquele horário, e foram ver [a situação], aí encontraram as duas pichando a parede do bloco 29, do ILG [Instituto de Línguas]".

Silva também afirma que as duas apresentavam sinais de embriaguez e afirmaram ser alunas da instituição. Uma disse cursar mestrado e atuar no Hospital Universitário, e a outra é graduada em enfermagem também pela UEM.

As duas foram detidas pelos vigilantes e a equipe acionou a Polícia Militar (PM), que conduziu as duas à delegacia, juntamente com os sprays apreendidos.

Divulgação
Elas foram flagradas quando ainda faziam a pichação na parede, segundo a vigilância

 

Arquivo/ UEM
Parede pichada é do bloco 29, que abriga o ILG


Participe e comente