Um homem morreu atingido por tiros na manhã de ontem (12), no trajeto de seu trabalho, na Rodovia BR-376, em Mandaguaçu. O encarregado de hortifrúti, Marcelo Alves de Almeida, 44 anos, conduzia sua motoneta Honda Biz de Mandaguaçu para o distrito de Iguatemi, onde trabalhava em um supermercado, quando foi alvejado por vários disparos de uma arma de fogo.

A suspeita é que ele tinha sido baleado com a motocicleta em movimento, porque o veículo apresenta vários danos.A vítima foi socorrida pela viatura de resgate da concessionária Rodovias Integradas do Paraná (Viapar), e o médico constatou que Marcelo estava com perfurações no crânio, abdômen e tórax. As polícias Militar e Civil foram acionadas, e de acordo com informações levantadas no local, ele já havia sido vítima de arma de fogo anteriomente, com quatro tiros, no dia 26 de dezembro de 2016, quando deixava sua casa em Mandaguaçu. Mas resistiu aos ferimentos e sobreviveu.De acordo com o delegado Valdir Adão Samparo, que comanda as investigações, a polícia está em busca de imagens de câmeras de segurança para tentar identificar os possíveis autores. "O inquérito de 2016 ainda tramita e tudo indica que naquela ocasião, foi crime passional. Desta vez, ainda não sabemos. O autor da época não deixa de ser um suspeito, mas ainda há muitos detalhes para serem analisados. Estamos trabalhando no caso", comenta. Até a tarde de ontem, ninguém havia sido identificado.


Participe e comente