O Virtus deverá chegar ao mercado brasileiro em novembro. A informação foi divulgada em um vídeo da matriz da Volkswagen sobre os próximos lançamentos mundiais da empresa. No filme, o penúltimo mês do ano aparece como sendo a data de estreia do novo sedã no mercado sul-americano.

O CEO da Volkswagen na América do Sul e Brasil, David Powels, já havia revelado, em recente visita à fábrica de motores da marca em São Carlos (SP), que o sedã Virtus será o segundo projeto com a plataforma MQB A0 a chegar ao Brasil. No entanto, na ocasião, o executivo disse que a estreia ocorreria no ano que vem.

Antes do Virtus, desembarca por aqui o hatch Polo, que chega em junho à Europa e, em seguida, ao Brasil. Primeiro produto da plataforma MQB A0 no País, o compacto é também o ponto de partida do plano de investimento de R$ 7 bilhões, entre 2016 e 2020, anunciado pela marca alemã durante o Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro.

Além dos novos hatch e sedã, haverá ainda um utilitário-esportivo compacto, baseado no conceito T-Cross Breeze, que deverá concorrer na mesma categoria da qual fazem parte modelos como Jeep Renegade, Honda HR-V e Nissan Kicks.

O quarto produto fruto desse investimento será a nova geração do hatch compacto Gol.

Mais novidades

A Volkswagen também prepara novidades para os mercados europeu e norte-americano. A empresa confirmou que a nova geração do Touareg será lançada na Europa em novembro. Sua possível chegada ao Brasil deve ocorrer ano que vem.

Já o próximo Jetta será lançado nos Estados Unidos em dezembro. Ainda não há informações sobre mudanças no sedã médio oferecido no Brasil.


EM SOLO TUPINIQUIM. Veículo será o segundo projeto com a plataforma MQB A0 a chegar ao Brasil. —FOTO: DIVULGAÇÃO

Participe e comente