A Esposizione Internacionale Ciclo e Motociclo (EICMA), ou Salão de Milão, é o maior evento de duas rodas do mundo. A feira abriu as portas ao público e antecipou algumas das novidades que os brasileiros verão nas ruas do País a partir do próximo ano.

A principal estrela do evento italiano é de uma marca "da casa". Trata-se da esportiva Panigale V4, primeira Ducati feita em série com motor de quatro cilindros. Com 1.103 cm3, rende 214 cv e 12,4 mkgf.

Há ainda novas famílias de big trails médias, com as Triumph Tiger 800 XC e XR e as BMW F 750 GS e F 850 GS.

A angloindiana Royal Enfield, que chegou ao Brasil este ano, mostra a Continental GT e a Interceptor.

A dupla é equipada com o primeiro motor de dois cilindros da marca. Abaixo, alguns lançamentos do Salão de Milão:

BMW F 850 GS

O motor de 853 cm3 gera 77 cv na F 750 GS e 95 cv na F 850 GS. As duas têm novos faróis, painel de TFT e chassi mais rígido. Agora o tanque fica na dianteira da moto.

Yamaha Ténéré 700
Ainda um conceito, a Ténéré 700 ganhou o motor da MT-07. Dois-cilindros, que gera 79 cv, não deve mudar na versão de produção da nova moto.

Triumph Tiger 800
A nova geração da Tiger, que virá ao País em 2018, está mais agressiva e tem banco mais estreito. Som do motor amplificado e a ergonomia melhorou.

Royal Enfield Interceptor
A novidade estreia motor de dois cilindros paralelos de 650 cm3 e 47 cv. A moto é inédita, mas tem no visual retrô o maior chamariz. A estreia no Brasil será no ano que vem.

Participe e comente