Campanha digital da Organização das Nações Unidas (ONU) busca reduzir o desperdício de alimentos. Com ações nas redes sociais Facebook e Twitter, a campanha #SemDesperdício convida os consumidores a refletir sobre o tema por meio do vídeo "Gastromania — Todo mundo tem a sua. Mas o que acontece com a comida que não entra na sua mania?". A campanha lançou o site www.semdesperdicio.org, por meio do qual o público é chamado a participar do desafio "Uma Mania a Menos". Na ação, a pessoa receberá um e-mail diário ao longo de dez dias com dicas para reduzir o desperdício de alimentos. Na primeira fase da campanha, celebridades como a nutricionista Bela Gil aderiram à causa, utilizando a hashtag #MinhaGastromania e estimulando seus seguidores a postar sobre manias na cozinha. No Brasil, anualmente, são desperdiçados 41 mil toneladas de alimentos, o que coloca o país entre os dez que mais perdem e desperdiçam alimentos no mundo. Cerca de 30% de tudo o que é produzido no mundo é desperdiçado e perdido antes de chegar à mesa do consumidor. Isso provoca um prejuízo econômico

 

Iniciativa
Desde o fim do ano passado funciona no país a Rede Save Food. Brasil alinha-se à iniciativa global Save Food, idealizada pela ONU em conjunto com a área privada, para sensibilizar e conscientizar a sociedade, visando buscar soluções contra o desperdício em toda a cadeia de alimentos. Atua na perspectiva da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável da ONU, que pretende reduzir pela metade o desperdício de alimentos per capita mundial, nos níveis de varejo e do consumidor, e reduzir as perdas de alimentos ao longo das cadeias de produção e abastecimento, incluindo as perdas pós-colheita.

Participe e comente