Oferecer produtos a preços mais em conta: essa é a proposta do Mercadão Week, que começou na última terça-feira e vai até 23 de julho. Durante esse período, os bares e restaurantes vão servir uma determinada opção de prato a preço único (R$ 29,90) e os armazéns e demais lojistas vão trabalhar com um item do cardápio a preços camaradas. Atrações musicais e aulas-show também estão na programação do Mercadão Week – os organizadores não divulgaram as datas e os horários até o fechamento da edição.

Num passeio pelo Mercadão, é possível esbarrar em pratos como o risoto de bacalhau e o fettuccine com mignon e brócolis, ambos a R$ 29,90, até torresminhos pré-assados para serem preparados em casa, como o Fino do Porco (R$ 20, 300 gramas), do Armazém Dona Luiza.

"Nosso torresminho é sem conservantes, só com um pouquinho de sal, e tem um sabor muito bom", comenta Sônia Pupulim, sócia-proprietária do Armazém Dona Luiza e do Fino do Porco. Há nove anos, o torresminho é produzido em um sítio em Mandaguaçu, com uma receita autoral. A ideia do Armazém veio um ano depois e hoje é o único ponto da cidade em que é possível encontrar o acepipe, oferecido a R$ 20 (fora do Mercadão Week, o preço sobe para R$ 25).

Conforme provamos em uma visita, o torresminho é mesmo extremamente saboroso, ideal para ser rebatido com cervejas. O torresminho do Fino do Porco é um dos três carros-chefes da casa, que ainda trabalha com carne de sol - chegando a vender até 300 kg por mês - e bacalhau Gadus morhua nas versões salgadas e dessalgadas - com saída que chega a 500 kg por mês.

"A ideia do Mercadão Week é que o público venha provar todos esses itens em promoção e conheça, também, os outros produtos que há por aqui", comenta Gilberto Pereira, sócio-proprietário do Fino do Porco e do Armazém Dona Luiza.

Açougue gourmet

O Prático Alimentos participa desta edição com o lombo canadense (R$ 18,90), uma produção artesanal da casa. "Nosso produto é puro, não tem nenhuma mistura e sai fresquinho toda semana", comenta a proprietária Amanda Aoyama.

O açougue gourmet há quatro anos oferece pães caseiros, pancetta e, às sextas e sábados, pão de calabresa vendido por kg. O carro-chefe da casa é a costela, disponível em três versões: assada, temperada e sem tempero. "É um dos produtos que mais saem aqui. A gente deve vender toneladas de costela!", comenta Amanda.

As dez opções de linguiças são outro diferencial do Prático. Há linguiça toscana, de pernil, de porco com queijo, com pimenta vermelha, entre outros tipos que não deixam o marasmo gastronômico chegar à mesa.

Lanche dos tronos
Fãs de "Game of Thrones" podem experimentar, a preços mais em conta, um hambúrguer inspirado em um dos personagens do seriado. O grandalhão Hodor, um sujeito do bem que, infelizmente, ganhou destino trágico na trama é homenageado pela Casa da Mãe Joana com um hambúrguer digno de seu tamanho.

O Hodor em forma de hambúrguer (R$ 29,90) é preparado com dois discos de hambúrgueres de black angus, cada um com 120 gramas de carne, mais queijo prato derretido, pasta defumada de gorgonzola, cebola crisp e alface roxa. As duas fatias de pão vermelho têm uma manteiga de menta, que garante um ar refrescante a cada mordida e remete aos ventos gelados que o personagem sentia em sua peregrinação nas imediações da Muralha. "É um lanche gigante como o Hodor". Servido com uma maionese de gengibre e batata chips, o lanche que surgiu das tramas de George R. R. Martin mostram que os universos cinematográfico e o gastronômico nem sempre são tão distantes.

"Já participamos do Mercadão Week do ano passado e vedemos muito bem. Nossa previsão agora é vender 500 unidades desse hambúrguer durante as duas semanas do evento", prevê Lucas Ogawa, um dos sócios-proprietários da hamburgueria.

Clima baiano
O tempero nordestino fica por conta do Bahia Bistrô, bar e restaurante que conta com dois ambientes, um externo e outro interno. O prato em promoção é a moqueca de peixe ao molho de camarão (R$ 29,90), carro-chefe da casa. Por lá, o prato é preparado com peixe cação, temperado com pimentão, cebola, azeite de dendê e leite de coco. Arroz, pirão e farofa de dendê escoltam o prato. Da gastronomia baiana à portuguesa, passando pela mineira à italiana, o Mercadão sustenta um universo de sotaques e temperos. E não há melhor hora para explorar ou redescobrir esses mundos em dias de preços camaradas.


APROVADO. O torresminho pré-assado Fino do Porco, do Armazém Dona Luiza: saboroso, vai bem com uma cervejinha. —FOTOS: DIVULGAÇÃO


Participe e comente