A berinjela não tem unanimidade à mesa como outros legumes (os cientistas a definem como um fruto, pois sua estrutura se desenvolve a partir do ovário de uma flor fecundada). Dependendo de como é preparada, não agrada ao paladar menos familiarizado com o sabor quase exótico. Os ancestrais do legume são indianos e acabaram na China pelo menos 5 mil anos antes da era cristã. Passou pela África na idade Média e só chegou à Itália no século 14. Entre os italianos a berinjela se transformou num ingrediente requintado, servindo de
base para receitas clássicas, como a caponata.

Embora tenha uma longa e rica história, a berinjela nem sempre manteve o lugar de honra na cultura alimentar, especialmente na cozinha europeia. Como resultado do sabor demasiado amargo das variedades precoces. Durante séculos, depois da sua introdução na Europa, a berinjela foi usada mais como uma planta de jardim decorativa do que como um alimento. O desenvolvimento de as novas variedades no século 18 fez com que a berinjela perdesse o seu sabor e reputação amarga, tomando o seu lugar estimado na culinária de muitos países europeus.

Além de versátil na cozinha, a berinjela tem outras virtudes. Como todo legume, possui nutrientes indispensáveis para uma vida saudáveis, entre eles o nasunim, um poderoso antioxidante que, além de prevenir o envelhecimento celular com o combate aos radicais livres, também favoreceria as atividades cerebrais. Se não bastassem suas qualidades saudáveis, a berinjela também é apontada como importante coadjuvante nas dietas de perda de peso, em função da sua riqueza em fibras que proporcionam saciedade.

Legumes x verduras
Diferença entre legumes e verduras está na parte botânica das plantas. As partes das plantas classificadas como verduras são as folhas (acelga, alface, agrião, couve, escarola, espinafre, repolho, rúcula, entre outras) e as flores (alcachofra, brócolis e couve-flor). Já os legumes são os frutos (abóbora, abobrinha, berinjela, chuchu, pepino, pimentão, tomate, entre outros), os caules (aipo, aspargo e palmito), os tubérculos (batata) e as raízes (beterraba, cenoura, mandioca, nabo e rabanete, entre outras).
(Fonte: Embrapa)

A CAPONATA

Um dos pratos italianos mais tradicionais, a caponata, teria nascido na Sicília. Pelo menos essa é a história mais aceita, já que alguns pesquisadores contestam a versão de que o nome deriva de 'capo', palavra usada para se referir aos chefões da máfia siciliana. Pode ser servida como acompanhamento ou piatto único (prato único) Pode ser servida também como antepasto frio acompanhada de fatias de pão italiano bem fresquinho. A caponata fica ótima também se usada como tempero de massas, mas nesse caso o molho deve ser mais denso. as receitas de caponata variam de província para província siciliana; algumas incluem ingredientes como amêndoa, pinoli, uva passa, anchova e outras verduras como abobrinha e pimentão.
À medida em que for usando, é recomendável manter o nível do azeite. Conserve sempre na geladeira.
(com informações do site fato a mano)

PASTA DE BERINJELA
Ingredientes
, 3 berinjelas médias cortadas ao meio
, 4 dentes de alho em fatias finas
tomilho fresco
, azeite
, 3 colheres de sopa de uma combinação de salsinha e manjericão picados
, 2 colheres de suco de limão
Pimenta moída na hora
Preparo
w Preaqueça o forno a 200 graus. Coloque as berinjelas com a casa para cima em uma assadeira. Faça furos na berinjela com a pponta de uma faca e coloque o alho e o tomilho.
w Regue com 2 colheres de azeite. Tempere com 1/2 colher de chá de sal. Asse até ficarem macias, cerca de 1 hora. Retire do forno; deixe descansar até esfriar, cerca de 20 minutos.
w Retire a polpa e coloque em um processador de alimentos (você tambem pode usar um mixer de mão). Adicionar as ervas, 2 colheres de azeite e o suco de limão.
w Processe até o "purê" ficar homogêneo. Junte 1 colher de chá de sal e pimenta e misture uma ultima vez. Leve a geladeira para esfriar, manter refrigerado até 3 dias.

BARQUINHAS DE PÃO DE FORMA
COM CAPONATA DE BERINJELA
Ingredientes
, 40 fatias de pão de forma sem casca
, Formas para barquinhas
, 1 receita de caponata de berinjelas

Caponata de berinjelas
, 120 ml de óleo
, 8 dentes de alho cortados em tiras bem finas
, 450 gramas de cebolas cortadas em cubos bem pequenos
, 2 folhas de louro
, ½ colher das de café de pimenta dedo de moça, bem picada
, 900 gramas de berinjelas sem cascas e cortadas em cubos bem pequenos e deixadas de molho em , 3 copos de água com sal e 100 ml de vinagre.
, 2 tomates sem pele e sem sementes cortados em cubos bem pequenos
, 2 pimentões vermelhos picado em cubos bem pequenos
, 50 gramas de uvas passas pretas
, 100 gramas de uvas passas claras
, 100 gramas de azeitonas fatiadas e picadas
, 1 colher das de sopa de mel
, 100 ml de vinagre branco
, 20 ml de vinagre balsâmico
, 130 ml de azeite
, 1 colher das de sobremesa de sementes de erva doce
, Sal, pimenta, orégano, noz-moscada, salsa, manjericão, hortelã e temperos a gosto.
Preparo
Barquinhas de pão
w Corte as fatias em 4 partes, coloque em forminhas próprias apertando bem e leve ao forno para dourar. Utilize com na montagem.
Caponata de berinjelas
w Em uma panela grande com antiaderente aqueça o óleo, refogue o alho, as cebolas, as folhas de louro, os pimentões e a pimenta dedo de moça. w Escorra e esprema bem as berinjelas, acrescente ao refogado e deixe ferver. Adicione os tomates, as uvas passas, as azeitonas, o mel, os vinagres e deixe ferver tampado por cinco minutos. w Destampe a panela, acrescente a erva doce, o azeite extra virgem e ferva até secar todo o líquido ficando apenas o óleo. w Tempere a gosto e deixe esfriar completamente. w Recheie as barquinhas e sirva.

Participe e comente