Quem cruza a passos céleres a praça de alimentação do Shopping Cidade, cercado por fachadas luminosas de redes de fast-food, pode não encontrar a Estação Grill. É preciso subir a escada rolante para chegar ao restaurante, um paraíso no shopping, que conta com suas próprias mesas em um espaço amplo e aconchegante.

Na hora do almoço, boa parte da clientela é formada por funcionários das concessionárias mais próximas. Colaboradores de hotéis, bem como os próprios hóspedes, também batem cartão.

Muitos dos clientes são fiéis, almoçam na Estação Grill diariamente e sabem que, por lá, não há risco de entediar o paladar. "Temos sempre novidades no nosso bufê", comenta Luis Henrique, proprietário da casa.

Durante a semana, a Estação Grill prepara cerca de 20 pratos frios, 20 quentes e seis sobremesas. Os grelhados são o diferencial da casa. Diariamente, há pelo menos duas opções de grelhados, como frango e miolo de alcatra, além de mais uma carne assada, duas opções de carne de porco e duas de peixes, como cação, pescada e tilápia.

Nos fins de semana, o cardápio fica mais encorpado, com 25 pratos frios e 25 quentes, além das seis sobremesas. Em vez de três a quatro massas, a Estação Grill passa a servir seis variedades, que, dependendo do dia, podem ser conchiglione recheado com frango, yakissoba ou bobó de camarão.

Os peixes também ganham reforços, com a presença do salmão, que pode levar molho de laranja ou maracujá ou molho de ervas, dependendo do dia.

Clássico

Carro-chefe da gastronomia brasileira, a feijoada assume o destaque do bufê às quartas e sábados. Por lá, o prato típico é preparado da mesma forma há seis anos, desde a abertura da casa. A receita leva paio, costelinha defumada e linguiça. Para acompanhar, couve, torresmo, farofa, laranja e vinagrete.

"Não coloco orelha nem rabo. A maioria da clientela prefere essa nossa 'feijoada magra'", diz Luis Henrique.

Mesmo assim, para aqueles que, por alguma razão, não curtam muito feijoada, o restaurante segue com o cardápio tradicional, com direito a massas, grelhados e saladas.

Futuro mutante
Formado em Administração, Luis Henrique vem tocando o restaurante sem medo das adaptações. No ano passado, passou a abrir também à noite, servindo chopes e porções, transformando o estabelecimento, antes aberto exclusivamente aos almoços, também numa atração noturna.

Para este ano, há algumas possibilidades de mudanças à vista. "Pretendo investir no delivery de pratos e porções. E estudo, também, trabalhar com pizzas, só não sei se à la carte ou por rodízio", adianta.

Fidelidade lucrativa
Em agosto, o restaurante modernizou o sistema de fidelidade e passou a contar com um esquema online. A cada R$ 12, o cliente faz um ponto. Com o montante, pode resgatar uma série de recompensas, que vão de suco de laranja a refrigerantes, chopes e sobremesas, até o próprio almoço.

A dica, depois do almoço ou do chope no fim de tarde, é evitar a escada rolante, logo à frente da Estação Grill. Em vez disso, caminhe quinze ou vinte passos na direção contrária, rumo à escadaria tradicional, e repare o mural em homenagem a Maringá, criado pelo artista curitibano Poty Lazzarotto, que ilustrou livros de Guimarães Rosa e Dalton Trevisan e tem murais e painéis espalhados pelo País.

Pouca gente, por incrível que pareça, sabe que esse patrimônio cultural está ali dentro do shopping, uma obra de arte muitas vezes ignorada pela correria do dia a dia. Depois de almoçar no paraíso do Shopping Cidade, nada melhor do que acompanhar o diálogo da arte gastronômica com a arte pictórica, num canto reservado, discreto, comprovando os diferentes sabores de cada obra-prima.

PARA COMER
ESTAÇÃO GRILL
Onde: Av. Tuiuti, 710, Vila Morangueira - Shopping Cidade
Quando: diariamente, das 11h30 às 14h30. Choperia: diariamente, das 17h às 22h30.
Tel: 44 3305-9181


CARRO-CHEFE. Feijoada, servida às quartas e sábados, é preparada com paio, costelinha defumada e linguiça; couve, torresmo e farofa acompanham. — J.C. FRAGOSO


Participe e comente