O que é o Web Summit:
O Web Summit surgiu em Dublin, na Irlanda, em 2010, visando conectar a comunidade de tecnologia e inovação à outras pessoas de diversas áreas! Na primeira edição foram apenas 40 inscritos e, oito anos depois, o número chegou a mais de 65 mil. Em 2018 foram mais de 1200 palestras, 1800 startups expondo suas ideias e 1500 investidores de tecnologia! Segundo os debatedores do F5, a capital de Portugal se mobiliza inteiramente para o evento que é dedicado para inovadores, empreendedores e investidores.

O que foi visto no Web Summit 2018:
A inteligência artificial foi um dos temas mais tratados nos três dias de evento, porém não como um diferencial, mas como algo inevitável para a resolução de problemas antigos. Foi muito lembrado também que, por trás das grandes tecnologias, estão as pessoas. Para os debatedores, essas devem ser valorizadas e também preparadas para as transformações que estão acontecendo no mundo.

Um dos temas que mais chamou atenção dos participantes foi a preocupação em torno da internacionalização da empresa. Segundo Débora Xavier, esse processo pode começar de forma simples, como possuir web site em inglês, mas deve ser pensado desde os primeiros passos da empresa.

Uma das grandes preocupações dos painelistas do evento foi a privacidade de dados, de que forma as empresas protegem seus consumidores e como elas devem ser cobradas em relação às informações que possuem. Outro tema tratado como preocupante foi o impacto das Fake News. Segundo os palestrantes, a visão de todos no evento era muito pessimista.

Para os palestrantes do F5, o que mais chamou atenção no geral foi o fato dos painelistas não tocarem em assuntos financeiros. A grande preocupação era o impacto social das marcas e sua preocupação com a sustentabilidade e a valorização do ser humano.

O que os palestrantes trazem de maior aprendizado:
A marca deve ter uma personalidade e um posicionamento que se preocupe com as demandas mundiais como sustentabilidade, igualdade de gênero e meio ambiente de forma genuína;
As pessoas devem ser sempre valorizadas e priorizadas, são elas que constroem as novas tecnologias e usufruem das mesmas;
Iniciativas governamentais devem surgir para facilitar o empreendedorismo e a inovação;
As empresas devem estar conectadas à transformação digital e em constante busca pela inovação;
uMov.me Arena: espaço de transformação
A uMov.me Arena é um espaço em Porto Alegre/RS, na sede da uMov.me e tem como missão estimular a troca de conhecimento para a transformação digital com foco na valorização de pessoas.

Ela foi concebida para dispor ao ecossistema empreendedor uma programação atraente que apoie e valorize a diversidade, pluralidade e a conexão das pessoas e ideias.

Para ficar por dentro de tudo o que acontece na uMov.me Arena, acesse o site e confira as novidades! Confira também o nosso flickr e veja tudo o que já rolou por lá!

Para saber mais sobre transformação digital e como ela impacta as empresas, fale com um especialista hoje mesmo.

Website: http://umov.me

Participe e comente