A atleta maringaense, Tabata Vitorino de Carvalho, alcançou o índice para os Jogos Olímpicos Rio 2016, na disputa do Troféu Brasil Caixa de Atletismo, que ocorreu neste final de semana, em São Bernardo do Campo (SP). O evento que teve cerca de 800 atletas inscritos por 107 clubes de 17 Estados e do Distrito Federal, iniciou na quinta-feira (30) e encerrou no domingo (3), com provas realizadas nas categorias masculino e feminino.


O Troféu Brasil Caixa foi uma disputa de clubes e gerou oportunidade para que atletas brasileiros tivessem índice para os Jogos Olímpicos. Tabata Vitorino garantiu o 3º lugar no 400 metros rasos, com o tempo de 52′59”, sendo a terceira atleta brasileira com melhor resultado na prova, até o momento. Com o resultado, a maringaense foi convocada oficialmente pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), a compor a equipe titular do revezamento 4x400 metros nas Olimpíadas Rio 2016.
Já Artur Langowski Terezan, foi vice-campeão na prova de 400 metros com barreiras, com o tempo de 49′86”, mas não chegou ao índice para os Jogos Olímpicos. Os dois atletas são do projeto Centro de Excelência de Atletismo de Maringá (AMM), desenvolvido em parceria com a Prefeitura, através da Secretaria de Esportes e Lazer (SESP) e com o patrocínio da Caixa Econômica Federal. De acordo com a AMM, estes foram os melhores resultados dos atletas maringaenses na disputa do Troféu Brasil dos últimos anos.
A presidente da associação de Atletismo de Maringá (AMM), Enilda Carine, o técnico Marcelo Augusto e demais diretores parabenizaram os atletas pelos resultados obtidos, enaltecendo o atletismo maringaense.
O evento foi uma realização da Confederação Brasileira e da Federação Paulista, com apoio do Governo do Estado de São Paulo e Prefeitura de São Bernardo com Campo, e patrocínio da Caixa Econômica Federal.
O Troféu Brasil de Atletismo é uma competição realizada anualmente que tem por objetivo a difusão do atletismo e a verificação do desenvolvimento de seu nível técnico no país, buscando identificar a máxima performance dos atletas na modalidade e, quando for o caso, servir para a seleção de atletas visando participação em eventos internacionais.
AMM
O Centro de Excelência de Atletismo de Maringá foi instalado em 2010 na cidade e tem grandes atletas destaques. "É com muita alegria que agradecemos nossos atletas que com todo esforço e dedicação, representaram muito bem a cidade na competição. Parabéns a Tabata pela grande conquista e pela oportunidade de participar de uma Olimpíada, e ao Arthur pelo bom desempenho e colocação na prova. Maringá está sempre incentivando o esporte e por meio dessas notícias que vemos esses resultados", disse o secretário de Esportes e Lazer, Rony Bergamasco.
Olimpíadas
A Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) divulgou a lista dos 66 atletas convocados para os Jogos Olímpicos do Rio 2016. Serão 36 homens e 30 mulheres na maior delegação da história. Confira a listagem no anexo.
De acordo com a CBAt, até semana passada, a Seleção Brasileira tinha 40 atletas qualificados e nove oficialmente convocados para os Jogos Rio 2016, em agosto. Destes 49, sem contar os que serão convocados para compor os revezamentos, 42 estão inscritos no Troféu Brasil Caixa. O maior número de atletas que já participaram de uma Olimpíada ocorreu em 1996, em Atlanta, quando o Brasil levou 42 representantes.

Participe e comente