Mais um ano começou, mais uma segunda-feira chegou, e mais uma vez você prometeu que dessa vez vai emagrecer. Então você se matricula na academia, busca dietas da moda no Google, mas mesmo assim decide que merece um dia de folga, pelo menos uma vez por semana. Conseguiu se imaginar nesta cena?

Afinal existe uma dúvida muito comum para muitas pessoas sobre esse tema. Será que é tudo bem ter um dia do lixo? Será que um dia do lixo pode até fazer bem? Ou será que ele vai fazer mal?
O dia do lixo nada mais é que um dia considerado livre para que a pessoa possa consumir todos os tipos de alimentos que quiser tais como sorvete, bolo, frituras, entre outros alimentos gordurosos e cheios de açúcar.

Muito além de simplesmente uma fugidinha da dieta existe uma técnica conhecida como realimentação estratégica que usa o dia do lixo como um aliado para fugir da estagnada no metabolismo gerada pela adaptação do organismo aos hábitos alimentares saudáveis, mais conhecido como "platô de emagrecimento".

Essa técnica tornou-se muito comum no mundo fisiculturismo por atletas que passam por dietas extremamente rigorosas e restritivas. Eles utilizam um dia chamado de day-off para consumir tudo que não podem consumir em dias de treino. Geralmente eles fazem isso após grandes competições ou ciclos de treinos pesados.

Nesse momento você deve estar se perguntando: "Tudo bem e eu que não sou fisiculturista?" Partindo desse ponto considerando que não deve haver restrições no seu estilo de vida saudável, é bom lembrar que ninguém emagrece comendo hambúrguer batata frita todo dia, assim como ninguém vai desenvolver a musculatura a base de alface.

A grande chave para uma alimentação saudável é o equilíbrio. Tirando conservantes, corantes artificiais cheios de letras e números, e produtos industrializados a verdade é que não existe alimento "lixo"! Não existe nada que você não possa consumir. O que existe é a consciência do que vai trazer benefícios e que vai prejudicar o funcionamento do seu corpo na busca dos seus objetivos.

Não deveria existir dia do lixo, porque nada de comer é lixo, desde que o equilíbrio seja mantido. E aí que entra uma grande ideia do dia do lixo. O que pode tornar o dia do lixo algo problemático é que tudo o que você comer regularmente vai gerar um acumulo hormonal e de gordura a longo prazo devido à memória celular do corpo.

Nosso organismo se adapta ao nosso estilo de vida, por isso se todo domingo for o seu dia do lixo, o seu cérebro não vai saber que você está comendo lixo, mas vai receber uma bomba de gorduras carboidratos e bem menos proteínas e outros nutrientes do que no resto da semana, ou seja, de tempos em tempos receptores cerebrais relacionados aos hormônios do prazer, compulsão e fome (que são a serotonina, dopamina e grelina) serão automaticamente ativados pela regularidade do seu dia do lixo.

O efeito disso é um desejo imenso de comer algo não muito nutritivo e que provavelmente será extremamente calórico e aí você vai ter que lutar contra esse desejo produzido pelo seu organismo ou então ceder ao seu desejo.

Mas então mudar o dia da semana que será o lixo resolve isso? Muda! Mas só se fizer o seu dia do lixo a cada 20 dias ou 1 vez ao mês, caso contrário seu cérebro vai se lembrar e pedir pelo dia do lixo.

Concluindo: o dia do lixo é benéfico do ponto de vista para que seja quebrado o platô de emagrecimento comentado no começo da matéria, porque ele causa um choque metabólico em seu organismo, ou seja para fisiculturistas.

Mas para quem busca emagrecer não é aconselhável usar esta técnica como choque metabólico, você pode procurar outra quebra de rotina para ter este efeito, como aumentar sua rotina de exercícios ou trocar alguns alimentos de sua dieta.

Deve ser levado em consideração também os fatores psicológicos que são a ansiedade durante a semana toda pelo dia do lixo, e o pico de insulina causado pela ingestão dos alimentos muito calóricos. Esse pico de insulina muitas vezes demora para abaixar causando fome em excesso e compulsão.

A resposta é simples, mas essencial: Conquiste hábitos de vida saudáveis e mantenha eles. Com uma rotina saudável, noites de sono bem dormidas e uma alimentação bem planejada, comer de vez em quando um alimento ou outro pouco nutritivo não vai prejudicar tanto suas conquistas e seu sucesso, por outro lado ficar esperando um dia do lixo toda semana como se fosse a maior felicidade da sua vida, isso sim vai atrapalhar e muito seu sucesso.

O programa de emagrecimento Mania Detox, da nutricionista Angela Faustin, trabalha todos essas dúvidas no emagrecimento, e ensina seus participantes a criar uma rotina de hábitos saudáveis para seguir e se manter magro pelo resto da vida.

Para saber mais sobre o programa da Nutricionista Angela e as pessoas que ela tem ajudado a emagrecer com Sucesso, basta buscar Mania Detox Angela Faustin em seu navegador.

Informações de Contato:
Nome: Dra. Angela Maria Faustin de Jesus
E-mail: [email protected]
Telefone e WhatsApp: (043) 99116-1294

Website: https://maniadetox.com.br/

Participe e comente