Palmeiras e Flamengo jogam nesta quarta-feira, às 21h, no Allianz Parque, em partida da 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os visitantes chegam para o confronto embalados por uma campanha que empolga seus torcedores. O time é líder da competição com seis pontos de vantagem sobre o segundo colocado: 26 a 20.

Os palmeirenses ocupam a sexta colocação com 18 pontos ganhos e precisam do triunfo para entrar na briga pelo G4, região de classificação para a fase de grupos da Copa Libertadores.

Embora exista expectativa de casa cheia, é certo que o torcedor palmeirense guarda uma frustração em relação ao resultado da equipe na rodada anterior, em Fortaleza, jogando diante do lanterna Ceará, quando o time chegou a abrir vantagem de 2 a 0, mas permitiu que o adversário reagisse empatando o jogo. Dois pontos perdido que fazem muita falta e que permitem um 'congestionamento' de times no pelotão à frente. Entre os esmeraldinos e o líder estão Internacional, Grêmio, São Paulo e Atlético-MG.

O técnico Roger Machado vê o confronto como decisivo dentro do que pretende o seu grupo antes da interrupção para a Copa "É jogo para gente se manter na frente. O objetivo é acabar esse período pré-Copa entre as primeiras colocações. Vai ter jogado 30% do campeonato, o importante é manter ali na frente", disse.

A relação de desfalques é a mesma, sem Borja, servindo a seleção colombiana, além de Keno, Diogo Barbosa e Guerra que estão machucados. Voltam ao time Felipe Melo e Bruno Henrique.

No Flamengo, do técnico Maurício Barbieri, a partida marca as despedidas de Vinius Junior e Vizeu. Os jovens talentos revelados na Gávea vão se apresentar a seus novos clubes --- Real Madrid e Udinese, respetivamente --- após a Copa. O meia Diego, com lesão muscular, é desfalque certo. Lucas Paquetá está de volta.


REFEITO. Bruno Henrique pode ser uma das novidades na formação titular palmeirense.

PALMEIRAS-FLAMENGO
Campeonato Brasileiro
Estádio Allianz Parque, 21h
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC)

Palmeiras Jailson; Marcos Rocha, Edu Dracena, Thiago Martins e Victor Luis; Felipe Melo, Bruno Henrique e Moisés; Hyoran, Dudu e Willian.
Técnico - Roger Machado.

Flamengo Diego Alves, Rodinei, Thuler, Léo Duarte e Renê; Gustavo Cuéllar, Jean Lucas (William Arão), Lucas Paquetá e Everton Ribeiro; Vinícius Júnior e
Henrique Dourado.
Técnico - Maurício Barbieri.

Participe e comente