A Prefeitura de Maringá vai ter, em 2008, uma Secretaria Extraordinária de Coordenação das Comemorações dos 100 anos da Imigração Japonesa no Brasil - Imin 100, que vai funcionar de 1º de janeiro a 31 de dezembro.

A pasta será responsável pela coordenação dos eventos a serem realizados na cidade para comemorar o centenário da imigração japonesa ao Brasil e para acompanhar as obras do Parque do Japão.

O titular da pasta será o dentista e presidente da Comissão da Imim 100 em Maringá, Shudo Yasunaga, que juntamente com a Associação Cultural e Esportiva de Maringá (Acema), está envolvido com os trabalhos de organização das comemorações do ano do centenário em Maringá.

¿Resolvi criar a secretaria e nomear uma pessoa da comunidade japonesa para me ajudar a representar Maringá nos muitos compromissos que vão ocorrer na cidade e no Brasil. Sei que não vou dar conta e fiz questão de ter uma pessoa com status de secretário para me representar¿, afirmou o prefeito de Maringá, Silvio Barros (PP).

Entre as principais funções da nova pasta, Silvio relatou que Yasunaga vai ficar encarregado das relações de Maringá com a cidade japonesa de Kakogawa, do acompanhamento das obras do Parque do Japão, previsto para ser inaugurado no dia 22 de junho de 2008, e da organização, em Maringá, da Mostra Tecnológica da Indústria Japonesa.

¿A cidade foi privilegiada com a oportunidade de sediar este evento que vai trazer milhares de pessoas a Maringá.¿

O anúncio da criação da Secretaria Extraordinária para Assuntos da Imim 100 e a assinatura do decreto de nomeação de Shudo Yasunaga ocorreu na noite de quinta-feira, durante o jantar da Câmara de Comércio Brasil-Japão do Paraná.

O secretário

O novo integrante do primeiro escalão da prefeitura chegou à cidade há 27 anos e sempre participou da diretoria da Acema e dos eventos da comunidade japonesa.

Em 1989, como vice-presidente da Acema, ajudou a criar o Festival Nipo-Brasileiro. Em 1997, foi vereador e, durante o mandato, chegou a ser líder do prefeito na Câmara Municipal.

Yasunaga é sansei (da terceira geração de japoneses no Brasil) e conta com orgulho que o avô chegou ao País no navio Kasatu Maru, o primeiro a desembarcar em terras brasileiras, em 1908.

Outro orgulho de Yasunaga foi ter levado a comunidade japonesa de Maringá a vencer o extinto programa de televisão ¿Nações Unidas¿, que segundo o novo secretário, oferecia aos participantes o maior prêmio da televisão brasileira à época.

Com a vitória, a comunidade trouxe para Maringá um ônibus no valor de US$ 250 mil, cinco passagens para o Japão e uma antena parabólica.

Participe e comente