O terreno onde será construído o Hospital de Criança de Maringá começa a ser preparado para as obras. A Secretaria de Serviços Públicos (Semusp) começou, ontem, a roçada do terreno do antigo aeroporto. O serviço segue até amanhã para dar andamento na demarcação (topografia) e no nivelamento (terraplanagem) da área.

O hospital vai ocupar 88,6 mil m2 do antigo aeroporto, área doada ao município pela Superintendência do Patrimônio da União no Paraná.

A construção do Hospital da Criança de Maringá foi anunciada em 18 de dezembro. A unidade vai contar com 160 leitos, 20 especialidades e um centro de pesquisas em doenças raras. O hospital será referência para mais de 4 milhões de pessoas na região noroeste.

O termo de cooperação entre a Prefeitura de Maringá e o Fundo Estadual de Saúde foi assinado no início de janeiro, prevendo o investimento de R$ 124,2 milhões na obra, que deve estar concluída ainda este ano.

Blocos

A rapidez na construção do hospital se justifica pelo uso tecnologia de blocos. Além de mais rápido, o processo é econômico: R$ 5,3 mil o m2, o que inclui os equipamentos. "Os blocos chegam numerados e o processo de montagem é muito rápido", diz a deputada estadual, Maria Victória. As peças serão produzidas nos Estados Unidos e terão um código para agilizar todo o processo de montagem.

Participe e comente