Começa hoje, 11, e vai até sábado, 13, o Congresso Médico de Maringá, que os acadêmicos do Curso de Medicina da Universidade Estadual de Maringá (UEM) no Centro de Eventos Vivaro. O evento vai discutir a medicina do futuro, com reflexões a respeito do emprego das mais avançadas tecnologias, porém manterá ênfase à vertente humanista da medicina.

O congresso também marca os 30 anos de instalação do Curso de Medicina da UEM e o início de funcionamento do Hospital Universitário.

Com mais de 30 palestras nos três dias, o congresso "A Medicina do Futuro", promovido pelo Centro Acadêmico de Medicina da UEM (Camem) e Hospital Universitário Regional de Maringá, vai discutir desde Inteligência Artificial, Nanotecnologia, o uso a Realidade Virtual e Estendida, construção de órgãos em impressora 3D, mas também a saúde mental dos estudantes e profissionais da saúde, a relação entre médico e paciente, segurança do paciente e a medicina humanitária e de catástrofe. Uma das discussões que deverá chamar a atenção é sobre os movimentos antivacina, que hoje se espalham com facilidade e rapidez em tempos de proliferação de redes sociais.

Segundo a presidente da comissão organizadora do evento, doutora Elisabete Mitiko Kobayashi, titular da disciplina de Ortopedia e Traumatologia desde a primeira turma do Curso de Medicina da UEM, "este congresso deve ser um divisor de águas na história do ensino da Medicina em Maringá". Além da atualidade e importância dos temas, ela já considera um sucesso o fato de também alunos dos cursos de Medicina de outras instituições, como Unicesumar e Uningá, estarem envolvidos na organização. "Esta integração das escolas médicas é um motivo para comemoração", diz.

SERVIÇO
Congresso Médico de Maringá e 1º Congresso do HURM
Data: 11, 12 e 13 de Outubro
Local: Vivaro - Avenida Virgílio Manilia, 21784 - Jardim Ouro Cola - Maringá
Inscrições e Informações pelo site
www.congressomedico demaringa.com.br

Participe e comente