A Associação Comercial de Sarandi (Acis), e as associações de moradores de bairros dos jardins Panorama, Independência, Bom Pastor e Alvamar realizarão um culto ecumênico na tarde desta quinta-feira, 6, a partir das 18h, no pátio do Posto Querência, às margens da BR-376, em Sarandi. Trata-se de uma ação contra o fechamento da passagem da rodovia que divide a cidade. Segundo a organização, cerca de 300 pessoas são esperadas.

O assunto é discutido há muito tempo, e na semana passada, por decisão judicial, a passagem que corta a via foi bloqueada, obrigando os munícipes a fazerem um grande percurso para alcançarem o outro lado. "O intuito é mobilizar a população e sensibilizar as autoridades para reabrirem a passagem, pois estamos prejudicados com isso. A mobilidade urbana, assim como o comércio já são afetados. As pessoas têm preferido ir para Maringá ou outras cidades vizinhas para fazerem suas compras, já que o trajeto para fazer o contorno, os aproxima das divisas", comenta Aparecido Bianco, presidente da Associação Jardim Panorama e Independência.

"Se acontecer um acidente, o Corpo de Bombeiros vai demorar muito mais para chegar ao outro lado. Não pode ficar desta forma. Alguma medida deve ser tomada", acrescenta.

A justiça decidiu bloquear o trecho de acesso, alegando que tem ocorrido muitos acidentes no local. Mas a situação tem deixado a população desconfortável, até mesmo pelo trânsito. De acordo com Bianco, o culto será celebrado por pastores evangélicos e padres. "Todos estamos indignados. A prefeitura, com apoio da administração de Maringá, está estudando formas de reverter o quadro. Vamos aguardar. Esperamos a maciça colaboração das pessoas", concluiu.

Participe e comente