maringa.odiario.com https://maringa.odiario.com Maringá: Notícias em odiario.com, o maior portal da região pt-brhttps://www.odiario.com/Content/assets/img/logo_150x28.jpgodiario.comhttps://maringa.odiario.com Variedades Chocolate Week inspira casas a criarem releituras de doces brasileiros variedades/noticia/2518725/chocolate-week-inspira-casas-a-criarem-releituras-de-doces-brasileiros/ <p>Da sexta-feira, 21, até o dia 30 de setembro, o festival Callebaut Chocolate Week inspira diversas casas a criarem receitas especiais. Confira alguns endereços participantes selecionados pelo suplemento Divirta-se, do jornal O Estado de S. Paulo.<br /><br />+ A 3ª edição do Callebaut Chocolate Week traz como tema releituras de doces clássicos brasileiros combinados com uma boa dose de chocolate, como goiabada e doce de leite com queijo, por exemplo. Vinte casas, entre docerias, cafeterias e sorveterias, participam do evento. Na Brigadeiros by Cousins, foi o doce de banana que entrou na receita. O resultado é um bolo de chocolate em camadas, com mousse de chocolate branco caramelizado e calda de bananada (R$ 20). R. Cardoso de Almeida, 1.371, Perdizes, 3862-5391. 10h/19h (dom., 11h/18h).<br /><br />+ Na casa de Renata Arassiro, o bombom com amendoim caramelizado vem com um dos gelinhos de chocolate (R$ 20). R. Pascal, 1.195, Campo Belo, 5092-4977. 10h/18h (fecha dom.).<br /><br />+ A Anusha Chocolates vai preparar uma torta que mescla doce de leite e, claro, muito chocolate belga ao leite (R$ 14). R. Comendador Miguel Calfat, 420, Itaim Bibi, 3045-6054. 11h/19h.<br /><br />+ Para o Lá da Venda, a chef Helô Bacellar faz pavê com bolacha champanhe, cremes de chocolate amargo e branco, e crocante (R$ 18). R. Harmonia, 161, V. Madalena, 3037 7702. 11h/19h (sáb., 10h/19h; dom., 10h/17h30; fecha 2ª).<br /><br />+ A meia esfera de mousse de chocolate 70% cacau com chantilly de banana (R$ 20) é a criação da Confeitaria Marília Zylbersztajn para a temporada. R. Fradique Coutinho, 942, V. Madalena, 4301-6003. 10h/19h (sáb., 10h/18h; dom., 11h30/18h).<br /><br />+ Responsável pelos docinhos e bolos à venda na Ponto de Brigadeiro, Rafael Aurichi sugere para o festival o brigadeirão com calda de cachaça, geleia de cupuaçu e castanhas da amazônia (R$ 18). R. Pascal, 950, Campo Belo, 2533-6503. 12h/19h (fecha dom.).</p> 2018-09-22T06:30:00-03:00 Variedades Exposição com obras de Iberê Camargo é uma das inaugurações da semana variedades/noticia/2518724/exposicao-com-obras-de-ibere-camargo-e-uma-das-inauguracoes-da-semana/ <p>Confira a seleção de exposições, na capital paulista, selecionadas pelo suplemento Divirta-se, do jornal O Estado de S. Paulo.<br /><br />Iberê Camargo e Francisco Stockinger<br />A Galeria Frente apresenta uma seleção de pinturas de Iberê Camargo (1914-1994) e de esculturas de Francisco Stockinger (1919-2009) em nova exposição que celebra a amizade entre os dois artistas. R. Dr. Melo Alves, 400, Cerqueira César, 3064-7575. Inauguração: sáb. (22). 9h/19h (sáb., 10h/14h; fecha dom.). Grátis. Até 27/10.<br /><br />Delson Uchôa <br />Representante da chamada Geração 80, o artista apresenta a exposição Autofagia, Corrupio no Olhar , que reúne seis pinturas em grande formato produzidas nas últimas quatro décadas. Zipper Galeria. R. Estados Unidos, 1.494, Jd. América, 4306-4306. Inauguração: 6ª (21). 10h/19h (sáb., 11h/17h; fecha dom.). Grátis. Até 20/10.<br /><br />Ajoelhou Tem que Rezar<br />As artistas Beth Turkieniez, Elaine Gomes e Patrícia Kaufmann apresentam 40 obras, entre pintura, colagem, gravura e aquarela, que têm em comum o uso de suportes de madeira de 40 cm x 40 cm. Mônica Filgueiras Galeria de Arte. R. Bela Cintra, 1.533, Consolação, 3081-9492. Inauguração: 6ª (21). 10h30/19h (sáb., 10h30/14h30; fecha dom.). Grátis. Até 20/10.<br /><br />Alessandro Giusberti<br />Em São Paulo and World Around, o artista exibe pinturas nas quais mescla o uso de materiais como lona, cristais de vidro e madeira. Inn Gallery. R. Dr. Melo Alves, 138, Jd. Paulista, 2659-0630. Inauguração: sáb. (22). 10h/19h (sáb., 11h/16h; fecha dom.). Grátis. Até 30/9.<br /><br />Arquitetura da Memória<br />A Casa das Rosas recebe exposição que conta sua própria história. Com documentos, fotos e objetos antigos, a mostra aborda a construção, a preservação e a inserção do local no contexto da cidade de São Paulo. Av. Paulista, 37, metrô Brigadeiro, 3285-6986. 10h/22h (dom. e fer., 10h/18h; fecha 2ª). Inauguração: 3ª (25). Grátis. Por tempo indeterminado.<br /><br />Avaf<br />O coletivo apresenta 17 pinturas de grande formato, além de seis tapeçarias dançantes, que são suspensas no teto da galeria por braços robóticos giratórios. Casa Triângulo. R. Estados Unidos, 1.324, Jd. América, 3167-5621. Inauguração: sáb. (22), 14h/18h. 10h/19h (fecha dom.). Grátis. Até 27/10.<br /><br />Boccioni: Continuidade no Espaço<br />Com curadoria de Ana Magalhães e Rosalind McKever, a mostra destaca a obra Formas Únicas da Continuidade no Espaço, escultura mais celebrada do futurista italiano, que é exposta ao lado de documentos históricos. MAC USP. Av. Pedro Álvares Cabral, 1.301, Ibirapuera, 2648-0254. Inauguração: sáb. (22). 10h/21h (fecha 2ª). Grátis. Até 24/3/2019.<br /><br />Flavio Rossi<br />Com curadoria de Ana Carolina Ralston, o artista apresenta, na mostra Desfragmento trabalhos que incluem pinturas originadas de colagem digital. As obras abordam o excesso de imagens no cotidiano. Luis Maluf Art Gallery. R. Peixoto Gomide, 1.887, Jd. Paulista, 2367-3437. Inauguração: 6ª (21). 11h/20h (sáb., 11h/18h; fecha dom.). Grátis. Até 27/10.<br /><br />Francisco Hurtz<br />Entre desenhos, fotografias e pinturas, Um Homem Bateu em Minha Porta reúne 20 trabalhos que abordam o erotismo ao apresentar corpos masculinos em confronto. A mostra é recomendada para maiores de 18 anos. Verve Galeria. R. Lisboa, 285, Jd. Paulista, 2737-1249. Inauguração: 4ª (26). 10h/19h (sáb., 11h/17h; fecha dom. e 2ª). Grátis. Até 27/10.<br /><br />Lumumba<br />A mostra Imersão reúne imagens feitas com pigmentos naturais, resultantes de uma imersão do artista - descendente de congoleses e guaranis - em aldeias do Alto Xingu. Matilha Cultural. R. Rego Freitas, 542, República, 3256-2636. Inauguração: sáb. (22). 12h/20h (sáb., 14h/20h; fecha 2ª). Grátis. Até 27/10.<br /><br />Palavras Cruzadas: Lugares de Fala Contemporâneos<br />Com curadoria de Daniel Lima, Élida Lima e Felipe Teixeira, a mostra traz uma instalação interativa. Conforme o público se aproxima, são acionados diferentes vídeos com pessoas que representam lutas contra preconceitos sociais. Sesc Vila Mariana. Hall dos Elevadores. R. Pelotas, 141, 5080-3000. Inauguração: 6ª (21). 10h/21h30 (sáb., 10h/20h30; dom. e fer., 10h/18h30; fecha 2ª). Grátis. Até 23/12.<br /><br />Papéis à Mostra<br />Sob curadoria de Selma Daffre, as artistas Angeli Arregui, Elisabeth Pral, Martha Tanizaki e Paulette Gerecht apresentam 60 trabalhos recentes, que incluem aquarelas, monotipias e desenhos. Ateliê Galeria Priscila Mainieri. R. Isabel de Castela, 274, V. Madalena, 3031-8727. Inauguração: 6ª (21). 14h/19h (sáb., 11h/17h; fecha dom.). Grátis. Até 29/9.</p> 2018-09-22T06:15:00-03:00 Variedades São Paulo recebe primeiro festival de 'Slow Day' na cidade neste sábado variedades/noticia/2518723/sao-paulo-recebe-primeiro-festival-de-slow-day-na-cidade-neste-sabado/ <p>Amanhece e você acorda com o despertador. Na noite anterior, já fez um roteiro cronológico do seu dia, praticamente minuto a minuto. Mas é preciso contar com um pouco de sorte: trânsito bom, que os compromissos durem exatamente o necessário, etc.<br /><br />Somos reféns do tempo. E, em uma cidade como São Paulo, essa "escravidão" fica mais evidente.<br /><br />Contra isso, o Desacelera SP e a Unibes Cultural realizam o Dia Sem Pressa neste sábado, 22. Será o primeiro festival de cultura slow no Brasil. O movimento é inspirado no Slow Food, que prega uma maior apreciação da comida.<br /><br />"Viver sem pressa não é necessariamente viver devagar, mas questionar a velocidade como norma e a pressa como regra", explica Michelle Prazeres, idealizadora e curadora do evento.<br /><br />O Dia Sem Pressa está estruturado em oito temas: comer, fazer, pensar, brincar, viver, conviver, trocar e oferecer. Tudo sem pressa! Vida simples, solidariedade, economia criativa e consumo consciente estarão em pauta. <br /><br />Haverá espaço para vivência de ioga, meditação, <i>mindful, mindful eating</i>, dança circular, rodas de diálogo, workshops e palestras, brincadeiras para adultos e crianças. <br /><br />O músico Chico Salem encerrará as atividades com um show intimista. <br /><br />Acompanhe a programação do Festival de Cultura Slow:<br /><br />PROGRAMAÇÃO DO PÁTIO UNIBES (Rua Oscar Freire, 2.500, Sumaré, São Paulo, ao lado da estação Sumaré do metrô)<br /><br />A partir das 10 horas Cabines de cochilo<br /><br />10 horas Laboratório de Afetos<br /><br />10 horas Abertura e boas vindas - Prática aberta de Yoga<br /><br />10h30 Feira de trocas de brinquedos<br /><br />10h30 Oficina de Horta em vasos freáticos<br /><br />10h30 Oficina de carimbos e cadernos<br /><br />10h30 Musicalização (para crianças)<br /><br />11h15 Pensata Criança, consumo, tempo e infância<br /><br />11h30 Vivência de <i>Mindfull eating</i><br /><br />11h30 Atividades físicas para crianças<br /><br />12h30 Roda de diálogo sobre slow medicine<br /><br />12h45 Pensata Viver em São Paulo: Mobilidade Urbana<br /><br />13h30 Música para estar<br /><br />14 horas Vivência de Movimento Consciente<br /><br />14h30 Brincadeiras tradicionais (crianças)<br /><br />14h30 Oficina de tear Manual<br /><br />14h30 Oficina de estamparia Manual<br /><br />14h45 Pensata Indicador de Bem Viver e Convivência<br /><br />15 horas Cantinho das sementes mágicas<br /><br />15 horas Vivência de Mindfulness<br /><br />15h30 Bate-papo "Pausar: o sono e o descanso na vida moderna"<br /><br />15h30 Arte livre (para crianças)<br /><br />15h45 Pensata "Dá pra ser feliz agora?"<br /><br />16h15 Pensata "Tempo, gestar e nascer"<br /><br />16h35 Pensata "Slow para sua vida"<br /><br />16 horas Roda de diálogo Narrativas afetivas<br /><br />17 horas Meditação<br /><br />18 horas Apresentação Musical de Chico Salem<br /><br />19 horas Encerramento<br /><br />PROGRAMAÇÃO CONTÍNUA DO PÁTIO UNIBES<br /><br />Kombi dos sonhos (Slow kids)<br /><br />Experimento de conexão e escuta ativa (com La Gracia Design)<br /><br />PROGRAMAÇÃO DA SALA MULTIUSO (2º andar)<br /><br />10h30 Workshop "Quais são os gatilhos que te fazem perder a Calma e como lidar com eles"<br /><br />11h45 Experiência com projeto imersões noturnas e bate papo com o autor<br /><br />14h30 Vivência de dança circular<br /><br />15h45 Vivência de diagnóstico da curadoria humana<br /><br />PROGRAMAÇÃO AO AR LIVRE<br /><br />Caminhada desbravadora: o nosso parceiro Desbravadores de Sampa conduzirá os participantes de uma região central, com barulho e grande movimento a uma região tranquila onde o som mais frequente é dos cantos dos pássaros na região do Pacaembu. O percurso se iniciará na estação Santa Cecília e finalizará na Unibes Cultural (ao lado da estação Sumaré), onde o evento vai acontecer durante todo o dia.<br /><br />Horário: saída às 14 horas (chegada na Unibes às 17 horas) | Ponto de encontro: Estação Santa Cecília | Modalidade: caminhada | distância: 4 km.</p> 2018-09-22T06:00:00-03:00 Esportes Em jogo histórico, Federer e Djokovic jogam duplas, mas perdem na Laver Cup esportes/noticia/2518722/em-jogo-historico-federer-e-djokovic-jogam-duplas-mas-perdem-na-laver-cup/ <p>Protagonistas de uma das maiores rivalidades da história do tênis, o suíço Roger Federer e o sérvio Novak Djokovic entraram em quadra para jogar juntos, na noite desta sexta-feira, em duelo válido pela Laver Cup. A inédita parceria, contudo, não trouxe o resultado positivo esperado. <br /><br />De virada, eles foram superados pelo norte-americano Jack Sock e pelo sul-africano Kevin Anderson por 2 sets a 1, com parciais de 6/7 (5/7), 6/3 e 10/6, em Chicago, onde teve início nesta sexta a segunda edição do torneio-exibição. A competição, que será realizada até domingo, coloca duas equipes em disputa durante os três dias: o Time Mundo e o Time Europa. <br /><br />Defendendo a equipe europeia, Federer e Djokovic começaram bem a partida, apesar da pouca experiência em duplas. O suíço jogou uma partida destas pela última vez justamente na edição passada da Laver Cup, ao lado do espanhol Rafael Nadal, em outro confronto memorável na história do tênis. Já o sérvio se arrisca nas duplas de vez em quando, mas tem poucos resultados de expressão. <br /><br />Num set inicial equilibrado, sem quebras de saque e sem sequer um break point, os europeus fizeram a diferença no tie-break. Mas foi rápida a reação do local Sock e do sul-africano, vice-campeão de simples em Wimbledon, derrotado justamente por Djokovic.<br /><br />Sock fez valer a experiência conquistada ao longo desta temporada nas duplas. Jogando com o compatriota Mike Bryan, foi campeão de Wimbledon e do US Open. Assim, liderou a dupla com Anderson para faturar a primeira quebra de saque no segundo set e empatar o duelo. O jogo, então, foi decidido no match tie-break, quando Sock e Anderson mantiveram o embalo e confirmaram a primeira vitória do Time Mundo no confronto, no quarto jogo do dia.<br /><br />Até então, o Time Europa vinha dominando este primeiro duelo da competição, com três vitórias em simples. No primeiro jogo do dia, o búlgaro Grigor Dimitrov, número 7 do mundo, bateu o local Frances Tiafoe (40º) por 6/1 e 6/4. Na sequência, o britânico Kyle Edmund superou Sock por 6/4, 5/7 e 10/6. Em seguida, o belga David Goffin salvou dois match points para derrotar o argentino Diego Schwartzman por 6/4, 4/6 e 11/9.<br /><br />Apesar da vantagem por 3 a 1 para os europeus, o Time Mundo já poderá se recuperar no primeiro confronto de sábado. Isso porque na Laver Cup as vitórias geram mais pontos a cada dia que passa no fim de semana. No sábado, portanto, cada triunfo valerá dois pontos. E, no domingo, serão três pontos. Será campeã a equipe que chegar primeiro aos 13 pontos.<br /><br />Criada por Federer, a Laver Cup visa homenagear o australiano Rod Laver, considerado um dos maiores tenistas da história - foi o único a fechar o Grand Slam em duas temporadas diferentes. E tem o bilionário brasileiro Jorge Paulo Lemann como um dos seus principais sócios.</p> 2018-09-22T02:02:00-03:00 Veículos A Expansão de US$ 380 Milhões da Afton Chemical na Fase II de sua Fábrica na Ilha de Jurong está Concluída veiculos/noticia/2518688/a-expansao-de-us$-380-milhoes-da-afton-chemical-na-fase-ii-de-sua-fabrica-na-ilha-de-jurong-esta-concluida/ <p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> A Afton Chemical Corporation, líder global no mercado de lubrificantes e aditivos para combustíveis, anunciou hoje a conclusão da expansão da Fase II de sua fábrica de aditivos químicos na Ilha Jurong, em Cingapura. Este acontecimento foi marcado pela visita especial do Ministro do Comércio e Indústria de Cingapura, Chan Chun Sing, que fez um discurso e visitou a instalação. </p><p id="news-body-cta" xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: <a target="_blank" href="https://www.businesswire.com/news/home/20180921005633/pt/" rel="follow" target="_blank">https://www.businesswire.com/news/home/20180921005633/pt/ </a></p><div id="bwbodyimg" style="width:480px; float:left; padding-left:0px; padding-right:20px; padding-top:0px; padding-bottom:0px;" xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><img alt="Afton Chemical Corporation – Singapore Chemical Additive Manufacturing Facility Phase II Expansion ( ... " src="https://mms.businesswire.com/media/20180921005633/pt/679381/4/SIA_9436.jpg"><p style="font-size:85%; ">Afton Chemical Corporation – Singapore Chemical Additive Manufacturing Facility Phase II Expansion (Photo: Business Wire) </p></div><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> Como uma subsidiária integral da NewMarket Corporation (NYSE: NEU), a Afton é uma empresa líder no mercado de lubrificantes e aditivos para combustíveis há mais de 90 anos. A empresa foi fundada em um “Passion for Solutions”® e manteve o foco na personalização de soluções comerciais e industriais que atendam às necessidades de seus clientes. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> A Afton iniciou suas operações em Cingapura em maio de 2016, quando anunciou a abertura da Fase I de sua fábrica na ilha de Jurong. O investimento de US$ 222 milhões na Fase II é maior do que o investimento inicial, que foi de US$ 158 milhões na Fase I, elevando o investimento total em Cingapura para US$ 380 milhões. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> “Esta instalação foi fundamental para os planos da Afton de garantir que nossos produtos sejam "Feitos na Ásia para a Ásia". Nossa fábrica da ilha de Jurong tem agora total capacidade para produzir os aditivos essenciais para óleo de motor, os quais precisamos na região da Ásia-Pacífico”, comentou Gina Harm, presidente da Afton Chemical. “Também temos orgulho de dizer que estamos investindo em tecnologias avançadas que contribuirão para metas de longo prazo na redução de emissões de carbono,” disse Harm. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> A expansão da Fase II impulsiona a produção de dispersantes e componentes anti-desgaste avançados sem cinzas. Todos esses são componentes-chave em vários produtos da Afton e ajudarão os veículos de passageiros e comerciais a atender aos padrões de desempenho do futuro. A mais recente expansão também reforça a rede de suporte na região da Ásia-Pacífico, que já estabeleceu centros de inovação em pesquisa e desenvolvimento em Suzhou, na China, e em Tsukuba, no Japão. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> “Nós continuamos investindo em Cingapura porque envergamos este país como o centro da região. Ele tem um forte histórico de segurança, proteção e integração - condições que valorizamos. Além disso, há uma grande concentração de talentos e a retenção é muito positiva. Do ponto de vista da fabricação, Cingapura é o lugar perfeito para distribuir não só para a ASEAN, mas também para a China. Para os três maiores aglomerados de demanda na China, leva-se somente 20 dias para entregar de e para Cingapura”, acrescentou Sean Spencer, vice-presidente da Afton Chemical Asia. “Essencialmente, estamos melhorando a satisfação do cliente com prazos de entrega mais curtos e maior segurança na distribuição.” </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> Essa expansão aumentará a força de trabalho da Afton em Cingapura em 123%. A instalação abrigará equipamentos de última geração e será a primeira fábrica da família Afton a oferecer sistemas integrados de gerenciamento e rastreabilidade totalmente automatizados. Ela ocupará aproximadamente 45.500 m² de área terrestre e continuará a produção dos principais componentes usados nos pacotes de aditivos para óleo de motor, como o ZDDP Anti-Desgaste, Dispersantes sem Cinzas e Detergentes de Sulfonato. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> “A rápida urbanização e crescimento da Ásia está impulsionando a demanda por combustíveis para transporte e produtos químicos especiais. A expansão da Fase II da Afton demonstra a atratividade de Cingapura como um centro para obtenção de oportunidades crescentes na região e a capacidade de nossa força de trabalho de empreender uma manufatura de alto valor agregado,” afirma Cindy Koh, Diretora de Químicos e Energia do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Cingapura. “Estamos ansiosos para uma parceria com a Afton Chemical em seus planos de crescimento na Ásia.” </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><b>About Afton Chemical Corporation:</b></p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> A Afton Chemical Corporation faz parte da família de empresas da NewMarket Corporation (NYSE: NEU). A Afton Chemical Corporation utiliza a sua especialização em formulação, engenharia e marketing para ajudar seus clientes a desenvolver e comercializar combustíveis e lubrificantes que reduzem emissões, melhoram a economia de combustível, prolongam a vida útil do equipamento, melhoram a satisfação do operador e reduzem o custo total da operação de veículos e equipamentos. A Afton Chemical Corporation desenvolve e comercializa uma extensa linha de aditivos exclusivos para gasolina e combustíveis destilados, fluídos de linha de transmissão, óleos de motor e lubrificantes industriais. A Afton Chemical Corporation apoia operações globais através de sedes regionais localizadas na região da Ásia-Pacífico, EMEAI, América Latina e América do Norte. A Afton Chemical Corporation está sediada em Richmond, Virgínia. Para mais informações visite <a target="_blank" href="http://cts.businesswire.com/ct/CT?id=smartlink&amp;url=http%3A%2F%2Fwww.aftonchemical.com&amp;esheet=51866466&amp;newsitemid=20180921005633&amp;lan=pt-BR&amp;anchor=www.aftonchemical.com&amp;index=1&amp;md5=efb6b9109861e89eebea3aac1b2a4bcf" rel="follow" target="_blank">www.aftonchemical.com</a>. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><b>Nota de advertência sobre declarações acerca do futuro:</b></p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> Algumas das informações contidas neste comunicado de imprensa constituem declarações previstas de acordo com o significado da Lei de Reforma de Títulos Privados de 1995. Embora a gestão da NewMarket acredite que suas expectativas são baseadas em suposições razoáveis dentro dos limites de seu conhecimento de seus negócios e operações, não há garantia de que os resultados reais não sejam substancialmente diferentes das expectativas. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> Fatores que poderiam gerar resultados reais diferentes materialmente das expectativas incluem, mas não estão limitados a: disponibilidade de matérias-primas e sistemas de distribuição; interrupções fábricas, incluindo instalações de fonte única; a capacidade de responder eficazmente às mudanças tecnológicas em nossa indústria; falha em proteger nossos direitos de propriedade intelectual; fracasso em atrair e reter uma força de trabalho altamente qualificada; perigos comuns às empresas químicas; concorrência de outros fabricantes; aumento súbito ou acentuado dos preços das matérias-primas; ganho ou perda significativos de clientes; a ocorrência ou ameaça de eventos extraordinários, incluindo desastres naturais e ataques terroristas; riscos relacionados &agrave;operação fora dos Estados Unidos; o impacto das flutuações nas taxas de câmbio; possível falha do sistema de tecnologia da informação ou violação de segurança; fatores políticos, econômicos e regulatórios relativos aos nossos produtos; regulamentações governamentais atuais e futuras; resolução de responsabilidades ambientais ou processos judiciais; nossa incapacidade de obter os benefícios esperados do investimento em nossa infraestrutura ou de aquisições recentes ou futuras, ou nossa incapacidade de integrar com sucesso aquisições recentes ou futuras em nossos negócios; e outros fatores detalhados periodicamente nos relatórios da NewMarket com a colaboração da Comissão de Segurança e Câmbio, incluindo os fatores de risco no Item 1A. “Fatores de Risco” do nosso Relatório Anual de 2017 no Formulário 10-K, que está disponível aos acionistas mediante solicitação. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> Deve-se ter em mente que qualquer declaração acerca do futuro feita pela NewMarket na discussão anterior trata somente a partir da data em que tal declaração foi realizada. Novos riscos e incertezas surgem de tempos em tempos, e é impossível prevermos esses eventos ou como eles podem afetar a empresa. Não temos obrigação e não pretendemos atualizar ou revisar as declarações dadas nesta discussão após a data deste documento, exceto conforme exigido por lei. À luz desses riscos e incertezas, debe-se ter em mente que os eventos descritos em qualquer declaração acerca do futuro feita nesta discussão, ou em outro lugar, podem não ocorrer. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><img alt="" src="https://cts.businesswire.com/ct/CT?id=bwnews&amp;sty=20180921005633r1&amp;sid=54681&amp;distro=ftp"><span class="bwct31415"></span></p><p id="mmgallerylink" xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><span id="mmgallerylink-phrase">Ver a versão original em businesswire.com: </span><span id="mmgallerylink-link"><a rel="follow" target="_blank" href="https://www.businesswire.com/news/home/20180921005633/pt/" target="_blank">https://www.businesswire.com/news/home/20180921005633/pt/</a></span></p>Videos:<br/><a target="_blank" href='https://mms.businesswire.com/media/20180921005633/pt/679628/19/Afton+Phase+II+SDE+19.09.18_1_Custom.mp4' target='_blank' >https://mms.businesswire.com/media/20180921005633/pt/679628/19/Afton+Phase+II+SDE+19.09.18_1_Custom.mp4</a><br/><b>Contato:</b><br/><p> Afton Chemical Corporation</p><p>AP: Chong Kit Lee on +65 6739 6330 ou <a target="_blank" href="mailto:KitLee.Chong@AftonChemical.com">KitLee.Chong@AftonChemical.com</a></p><p>ou</p><p>EMEAI: Kate Edrupt on +44 1344 356823 ou <a target="_blank" href="mailto:Kate.Edrupt@AftonChemical.com">Kate.Edrupt@AftonChemical.com</a></p><p>ou</p><p>AMERICAS: Lauren Packard on +1 804 788 6081 ou <a target="_blank" href="mailto:Lauren.Packard@AftonChemical.com">Lauren.Packard@AftonChemical.com</a></p><br/><strong>Fonte: </strong><a target="_blank" href='http://www.businesswire.com/portal/site/home/' target='_blank'>BUSINESS WIRE</a><img src="http://api.dino.com.br/v2/news/tr/186520?partnerId=1370" alt="" style="border:0px;width:1px;height:1px;" /> 2018-09-21T22:51:59-03:00 Geral 'Ursa mais triste do mundo' deixa Piauí e viaja para São Paulo geral/noticia/2518687/ursa-mais-triste-do-mundo-deixa-piaui-e-viaja-para-sao-paulo/ <p>Uma equipe formada por veterinários, biólogos e ativistas saiu de Teresina nesta sexta-feira, 21, com a missão de realizar a transferência da ursa Marsha do zoológico da cidade para um santuário em Joanópolis, no interior de São Paulo. Um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) transportou o animal em uma jaula climatizada. O processo de mudança do mamífero para sua nova casa deve durar três dias.<br /><br />Marsha ficou conhecida como "a ursa mais triste do mundo" depois que grupos de defesa dos animais denunciaram sua história. Segundo relatos de ativistas, o mamífero foi explorado por cerca de 20 anos em um circo do interior do Maranhão, onde era obrigado a fazer truques em troca de alimentos. Em seguida, a ursa foi levada para o Parque Zoobotânico de Teresina. <br /><br />O forte calor da capital piauiense seria prejudicial à saúde da ursa, animal que vive em regiões frias. Em setembro, a temperatura na cidade pode passar de 40ºC.<br /><br />"Imaginem uma ursa parda siberiana, com pelagem própria para aguentar o frio do Canadá, sob o sol escaldante do Piauí", escreveu a ativista e apresentadora de TV Luisa Mell em sua página no Instagram.<br /><br />Luisa acompanha a transferência da ursa até o Santuário Ecológico Rancho dos Gnomos, em Joanópolis.<br /><br />"Ela entrou em depressão profunda, e as imagens de sua tristeza comoveram o País", afirmou. "Depois de mais um ano e meio de luta judicial, abaixo assinados, acordos políticos, finalmente conseguimos a libertação da Marsha."</p> 2018-09-21T22:30:00-03:00 Geral Corpo de surfista morto por tubarão nos EUA chega ao Espírito Santo geral/noticia/2518686/corpo-de-surfista-morto-por-tubarao-nos-eua-chega-ao-espirito-santo/ <p>O corpo do surfista Arthur Medici, de 26 anos, chegou às 17h15 desta sexta-feira, 21, no hangar do Notaer, dentro do Quartel do Comando-Geral da Polícia Militar em Vitória. O brasileiro morreu depois de ser atacado por um tubarão, enquanto surfava em Newcomb Hollow Beach, em Revere, no Estado americano de Massachusetts, no sábado, 15. <br /><br />O traslado da vítima parou no Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro. Um helicóptero fez o transporte para o Espírito Santo. O carro da funerária responsável pela preparação do corpo do jovem já aguardava a liberação no local. A imprensa pôde acompanhar a cena de longe.<br /><br />Nenhum familiar da vítima quis conversar com os jornalistas. Medici, que iria oficializar o noivado no fim de 2018, morava no Estados Unidos havia quatro anos.<br /><br /><b>Velório</b><br /><br />O corpo do surfista será velado na Igreja Maranata, no centro de Vila Velha, na Grande Vitória. A família proibiu a entrada da imprensa no local e chegou a contratar seguranças. O sepultamento está programado para acontecer às 10 horas deste sábado, 22, no cemitério municipal.</p> 2018-09-21T22:18:00-03:00 Política Haddad pede que militantes busquem votos entre indecisos e 'gente enganada' politica/noticia/2518685/haddad-pede-que-militantes-busquem-votos-entre-indecisos-e-gente-enganada/ <p>Em discurso em Montes Claros (MG), o candidato à Presidência Fernando Haddad (PT) fez um apelo para que militantes busquem votos entre indecisos e aqueles que estão sendo "enganados".<br /><br />"Não adianta a gente só falar para a gente mesmo", discursou Haddad. "Nós temos que, para ganhar essa eleição, falar com quem está na dúvida ou com quem está sendo enganado porque tem muita gente enganada."</p> 2018-09-21T22:13:00-03:00 Política Toffoli substitui Temer na Presidência da República na próxima semana politica/noticia/2518684/toffoli-substitui-temer-na-presidencia-da-republica-na-proxima-semana/ <p>Depois de pregar a harmonia entre os poderes, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, assumirá a presidência da República neste domingo, 23, substituindo o presidente Michel Temer, que participará da Assembleia Geral das Nações Unidas. Os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), também vão deixar o País no período.<br /><br />Toffoli volta a despachar do Planalto treze anos depois de ter trabalhado no palácio como subchefe para Assuntos Jurídicos da Casa Civil da Presidência da República, de 2003 a 2005, durante a gestão de José Dirceu (PT).<br /><br />Esta será a sétima vez que um presidente do Supremo ocupa interinamente a Presidência da República. Antes de Toffoli, os ministros José Linhares, Moreira Alves, Octavio Gallotti, Marco Aurélio, Ricardo Lewandowski e Cármen Lúcia assumiram temporariamente o cargo de 1945 até hoje.<br /><br />O presidente do Supremo deve ir na tarde do domingo à Base Aérea de Brasília para cumprimentar Temer, antes de o emedebista embarcar para os Estados Unidos.<br /><br /><b>Agenda</b><br /><br />Na próxima segunda-feira, 24, Toffoli deverá assinar, às 10h, a nomeação do conselheiro Henrique Ávila, que foi reconduzido para o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) pelo Senado. O atual mandato de Ávila termina só em fevereiro, mas Toffoli quis assiná-lo neste momento, agora que ocupa a Presidência da República. As nomeações do CNJ dependem de ato formal do presidente da República.<br /><br />No mesmo dia, às 15h, o ministro deverá assinar uma lei que modifica o prazo de licença paternidade para militares. Na terça-feira, 25, estão previstos despachos internos pela manhã e à tarde, a assinatura de lei que inscreve o nome do ex-governador de Pernambuco Miguel Arraes de Alencar no Livro dos Heróis da Pátria.<br /><br />Antes de assumir uma cadeira no Supremo, Toffoli atuou no Executivo como advogado-geral da União no governo de Luiz Inácio Lula da Silva (de 2007 a 2009) e no Legislativo como assessor Jurídico da Liderança do PT na Câmara dos Deputados (1995 a 2000).<br /><br />Ao assumir a presidência do Supremo no último dia 13, Toffoli disse que o Judiciário não é "mais nem menos que os outros Poderes". "Com eles e ao lado deles, harmoniosamente, servimos à Nação brasileira", comentou o ministro.</p> 2018-09-21T20:49:00-03:00 Política Forças Armadas vão garantir resultado das eleições, afirma ministro da Defesa politica/noticia/2518682/forcas-armadas-vao-garantir-resultado-das-eleicoes-afirma-ministro-da-defesa/ <p>O ministro da Defesa, general Joaquim Silva e Luna, afirmou nesta sexta-feira, 21, que a participação das Forças Armadas nas eleições 2018 será única e exclusivamente voltada para a garantia de que a votação transcorra em clima de normalidade, conforme assegura a Constituição. Segundo ele, os militares não vão interferir no processo político e não questionarão o resultado da votação, qualquer que venha a ser.<br /><br />"A Bíblia das Forças Armadas é a Constituição Federal, o Artigo 142 e as Leis Complementares. Fora desse caminho não há trilha, não há caminhada jamais. Não há risco nenhum de as Forças Armadas aceitarem ou deixarem de aceitar aquilo que é legal. Nós temos mais é que garantir as instituições funcionando em condições normais e quando solicitados garantir a lei e a ordem", disse o ministro.<br /><br />Em seu caput, o Artigo 142 da Carta afirma: "As Forças Armadas, constituídas pela Marinha, pelo Exército e pela Aeronáutica, são instituições nacionais permanentes e regulares, organizadas com base na hierarquia e na disciplina, sob a autoridade suprema do Presidente da República, e destinam-se à defesa da Pátria, à garantia dos poderes constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes, da lei e da ordem." <br /><br />O general Silva e Luna deu entrevista após palestra sobre a crise migratória dos venezuelanos que têm entrado em massa no Brasil, na 15ª edição da Conferência Internacional de Segurança Forte de Copacabana. O tema do encontro é "Gerenciamento de Crises Internacionais: Desafios e Perspectivas para a América Latina e a Europa". O evento é pela fundação alemã Konrad Adenauer Stiftung.<br /><br /><b>Mal interpretado</b><br /><br />Em entrevista ao Estadão no último dia 9, o general Eduardo Villas Bôas, comandante do Exército, levantou a hipótese de o governo eleito ter sua legitimidade questionada. A fala foi interpretada por partidos de oposição como uma ameaça à democracia. Segundo o ministro, no entanto, o general foi mal interpretado.</p> 2018-09-21T20:45:00-03:00 Polícia PM de Maringá cumpre 9 mandados por tráfico policia/noticia/2518680/pm-de-maringa-cumpre-9-mandados-por-trafico/ <p>A Polícia Militar cumpriu nove mandados judiciais de busca e apreensão em pontos suspeitos de tráfico de drogas na tarde desta sexta-feira, 21, em Maringá. De acordo com o setor de Comunicação Social do 4º Batalhão de Polícia Militar (4º BPM), a ação faz parte da “Operação 181 Maringá".</p> <p>Policiais percorreram o Conjunto Requião, o Residencial Tuiuti e o Jardim Oriental, e “apesar de nenhum ilícito ter sido constatado, todos os pontos suspeitos ( de tráfico de drogas) foram verificados e as pessoas responsáveis foram identificadas”, informa a PM.</p> <p>Ao todo, participaram da operação 68 policiais das equipes de Choque, Ronda Tático Motorizada (Rotam) e Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam). As denúncias realizadas pelo telefone 181 auxiliaram nas diligências do 4°BPM. “Toda a contribuição nos ajuda no combate ao crime. A população pode fazer denúncias anônimas pelo 181, ou situações de flagrante, através do 190”.</p> https://src.odiario.com/imagem/2018/09/21/p_opera-181636731592438025820.jpg 2018-09-21T20:41:11-03:00 Política Ibope/RN: Fátima Bezerra vai a 39%, Carlos Eduardo tem 25% e Robinson Faria, 13% politica/noticia/2518683/ibopern-fatima-bezerra-vai-a-39-carlos-eduardo-tem-25-e-robinson-faria-13/ <p>A intenção de voto na senadora Fátima Bezerra (PT) para o governo do Rio Grande do Norte subiu de 34% em agosto para 39% em setembro, de acordo com pesquisa Ibope divulgada na noite desta sexta-feira, 21.<br /><br />O ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo (PDT) avançou de 15% para 25% no mesmo intervalo e assumiu a segunda colocação. O atual governador Robinson Faria (PSD) subiu de 8% para 13%.<br /><br />Brenno Queiroga (Solidariedade) oscilou de 1% para 3%. Professor Carlos Alberto (PSOL) manteve os 2%. Freitas Jr. (Rede), Dário Barbosa (PSTU) e Heró Bezerra (PRTB), que não pontuaram no levantamento anterior, agora aparecem com 1% cada.<br /><br />Votos brancos e nulos caíram de 31% para 11%. Não souberam ou não opinaram foram de 9% para 5%.<br /><br />A senadora Fátima Bezerra vence nos dois cenários nos quais o nome dela é testado. Ela supera Carlos Eduardo por 49% a 33%, com brancos e nulos aparecendo com 15% e não souberam ou não opinaram, 3%. A petista vence Robinson Faria por 57% a 22%, com 19% de brancos e nulos e 2% de indecisos.<br /><br />O pedetista vence o atual governador por 51% a 22%. Brancos e nulos são 25% e não souberam ou não opinaram, 3%.<br /><br />A pesquisa foi encomendada pela Inter TV Costa Branca, afiliada da Rede Globo. Foram ouvidos 812 eleitores entre 18 e 20 de setembro. A margem de erro é de três pontos porcentuais e o índice de confiança, 95%. O registro no TRE é o RN-08720/2018 e no TSE é o BR-0811/2018.</p> 2018-09-21T20:40:00-03:00 Política Ibope/SC: Mariani sobe para 21%, Merísio vai a 18% e Décio Lima tem 17% politica/noticia/2518681/ibopesc-mariani-sobe-para-21-merisio-vai-a-18-e-decio-lima-tem-17/ <p>Pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira, 21, mostra que três candidatos estão embolados na preferência do eleitorado para a disputa pelo governo de Santa Catarina. Mauro Mariani (MDB) tem 21%, Gelson Merísio (PSD) aparece 18% e Décio Lima (PT) registra 17%. Considerando a margem de erro, há um empate técnico entre os três.<br /><br />O levantamento mostrou um avanço de Mariani e Merísio na disputa. Em 16 de agosto, Décio Lima liderava isoladamente, com 16%. Mauro Mariani tinha 11% e cresceu dez pontos porcentuais. Merísio, por sua vez, registrava 6% e avançou 12 pontos.<br /><br />Na sequência, Comandante Moisés (PSL) tem 4% e Ângelo Castro (PCO) tem 2% das intenções de voto. Os candidatos Ingrid (PSTU), Portanova (Rede), Jessé Pereira (Patriota) e Camasão (PSOL) aparecem com 1%. Em Santa Catarina, 16% dos eleitores declaram voto em branco ou nulo. Já 19% se dizem indeciso.<br /><br />Em um eventual segundo turno, há empate técnico entre Gelson Merísio (31%) e Décio Lima (28%). Mauro Mariani, por sua vez, venceria os dois adversários: 34% a 28% contra Lima e 31% a 28% contra Merísio.<br /><br />O Ibope ouviu 812 eleitores de 18 a 20 de setembro. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, com um nível de confiança de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Santa Catarina sob o protocolo SC-05212/2018 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-06196/2018.</p> 2018-09-21T20:36:00-03:00 Política Ibope/TO: Carlesse lidera corrida ao governo com 50%; Carlos Amastha tem 28% politica/noticia/2518678/ibopeto-carlesse-lidera-corrida-ao-governo-com-50-carlos-amastha-tem-28/ <p>Pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira, 21, mostra que o governador Mauro Carlesse (PHS) continua liderando as intenções de voto na disputa estadual do Tocantins, com 50%. No mês passado, ele tinha o mesmo índice de preferência entre o eleitorado.<br /><br />Em segundo lugar, aparece o ex-prefeito de Palmas Carlos Amastha (PSB), com 28% das intenções de voto. Em agosto, ele registrou 19%. Os demais candidatos não oscilaram. Marlon Reis (Rede) continua com 7%, César Simoni (PSL) tem 2% e Bernadete Aparecida (PSOL) registra 1% na pesquisa.<br /><br />Na simulação de segundo turno, Mauro Carlesse (PHS) venceria Carlos Amastha (PSB) por 57% a 32%.<br /><br />O Ibope ouviu 812 eleitores de 18 a 20 de setembro. A margem de erro é de três pontos porcentuais para mais ou para menos, com um nível de confiança de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Tocantins sob o protocolo TO-06978/2018 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-08130/2018.</p> 2018-09-21T20:32:00-03:00 Política Ibope/GO: Caiado sobe para 47%, Zé Eliton oscila para 13% e Daniel Vilela tem 12% politica/noticia/2518679/ibopego-caiado-sobe-para-47-ze-eliton-oscila-para-13-e-daniel-vilela-tem-12/ <p>O senador Ronaldo Caiado (DEM) ampliou a liderança na disputa ao governo de Goiás, de acordo com pesquisa Ibope divulgada na noite desta sexta-feira, 21. A intenção de voto nele passou de 36% em agosto para 47% agora.<br /><br />O atual governador Zé Eliton (PSDB) oscilou de 10% para 13%. O deputado federal Daniel Vilela (MDB) passou de 10% para 12%. Desta forma, o tucano e o emedebista aparecem tecnicamente empatados na segunda colocação, se considerada a margem de erro de três pontos porcentuais.<br /><br />A candidata do PT, Kátia Maria, manteve os 5% do levantamento passado. Alda Lucia (PCO) passou de 3% para 1%, mesma oscilação de Marcelo Lira (PCB). Weslei Garcia (PSOL) foi de 2% para 1%.<br /><br />Os votos em branco e nulos caíram de 21% para 13%, enquanto os que não souberam ou não opinaram foram de 11% para 8%.<br /><br />Nas simulações de segundo turno, Caiado vence nos dois cenários em que tem o nome testado. Quando o adversário é Daniel Vilela, o senador tem 57%, contra 23%, com 14% de brancos e nulos e 7% de não souberam ou não responderam.<br /><br />Contra Zé Eliton, o candidato do DEM tem 58% e o tucano, 20%. Brancos e nulos são 15% e não souberam ou não opinaram, 7%.<br /><br />Em um outro cenário, Daniel Vilela venceria o atual governador Zé Eliton por 38% a 28%. Brancos e nulos são 24% e não souberam ou não opinaram, 10%.<br /><br />A pesquisa foi encomendada pela TV Anhanguera, afiliada da Rede Globo no Estado. Foram ouvidos 812 eleitores entre 18 e 20 de setembro. O registro no TRE é o GO-09015/2018 e o protocolo do TSE é o BR-09138/2018. O nível de confiança utilizado é de 95%.</p> 2018-09-21T20:29:00-03:00 Esportes Suspenso por 2 jogos, Cuéllar é liberado para reforçar Fla com efeito suspensivo esportes/noticia/2518676/suspenso-por-2-jogos-cuellar-e-liberado-para-reforcar-fla-com-efeito-suspensivo/ <p>A sexta-feira foi bastante movimentada para o volante Cuéllar no Flamengo. Momentos depois de conceder entrevista coletiva no CT do clube, o colombiano foi julgado e suspenso por dois jogos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Horas mais tarde, porém, viu o time carioca conseguir um efeito suspensivo e liberar sua presença em campo contra o Atlético-MG, domingo, no Maracanã.<br /><br />Cuéllar havia sido suspenso por um lance ocorrido na derrota diante do Atlético-PR, em Curitiba, pelo Campeonato Brasileiro. No segundo tempo daquela partida, quando o placar já apontava 3 a 0 para os donos da casa, o volante acertou o pisão no atacante Pablo após uma dividida na linha de fundo.<br /><br />O lance passou desapercebido pela arbitragem, que sequer apitou falta. No entanto, após analisar as imagens da tevê, o STJD julgou Cuéllar e decidiu puni-lo com dois jogos de suspensão. Ele desfalcaria o Flamengo no fim de semana, mas foi liberado graças ao trabalho do departamento jurídico do clube.<br /><br />Antes mesmo deste imbróglio jurídico, Cuéllar falou sobre a expectativa para a partida de domingo. "O time do Atlético-MG é muito competitivo e tem um elenco de qualidade. Eles gostam muito de ficar com a bola e trabalhar o jogo sem pressa. Temos que tomar cuidado e ao mesmo tempo criar as oportunidades para os nossos centroavantes marcarem os gols."<br /><br />Trata-se de um confronto importantíssimo para o Flamengo se manter sonhando com o título brasileiro e, ao mesmo tempo, seguir na frente do Atlético-MG, que está somente três pontos atrás - 45 a 42. Para vencer, Cuéllar pediu mais capricho ao time rubro-negro na hora da conclusão.<br /><br />"Temos conseguido criar nos jogos, mas infelizmente não fizemos os gols necessários para ganhar as partidas. Estamos no caminho certo, mas temos muito a melhorar. É importante ganhar para retomar a confiança. E depois que a bola voltar a entrar, vai continuar entrando até o final do ano", apontou.</p> 2018-09-21T20:20:00-03:00 Maringá Primavera começa neste sábado com "cara de verão" maringa/noticia/2518674/primavera-comeca-neste-sabado-com-cara-de-verao/ <p>A primavera começa neste sábado (22), às 22h53 min, com temperaturas altas: a máxima prevista para este sábado é de 29 graus e a mínima, de 16. Já no domingo, o termômetro pode alcançar 33 graus - e a mínima chegar a 22. A semana começa com muito calor. Na segunda e na terça-feira, 23 e 24, respectivamente, as temperaturas podem variar entre 23 e 35 graus, conforme previsão do instituto Simepar.</p> <p>No Paraná os meses de primavera, que termina no dia 21 de dezembro, são historicamente caracterizados pelo retorno das chuvas. De acordo com o Simepar, as condições analisadas e previstas para o El Niño/La Niña indicam para que há probabilidade do trimestre outubro-novembro-dezembro ser um pouco mais chuvoso do que o normal.</p> <p>Já as temperaturas seguem tendência de normalidade. Para a região noroeste do Paraná, a média varia entre 21 ºC  e 23 ºC. Por ser um período de transição entre o inverno (seco) e o verão (chuvoso), não é incomum a alternância de dias frios e quentes.</p> <p>A temperatura mais alta registrada para o mês de setembro, em Maringá, pelo Simepar foi de 37,2 graus, em 1988; e a mínima, 1,5 grau, em 1964.</p> <p> </p> <p><img src="https://src.odiario.com/imagem/2018/09/21/g_primaverajps-5-of-7.jpg" border="0" alt="PRIMAVERA" width="560" height="350" /></p> <p>SOL. O primeiro final de semana da estação das flores será quente, com temperaturas máximas de 29 graus, no sábado, e 33, no domingo. - JOÃO PAULO SANTOS.</p> https://src.odiario.com/imagem/2018/09/21/p_primaverajps-5-of-7.jpg 2018-09-21T20:18:00-03:00 Política Ibope: Sartori tem 31% na disputa pelo governo do RS; Eduardo Leite vai a 26% politica/noticia/2518677/ibope-sartori-tem-31-na-disputa-pelo-governo-do-rs-eduardo-leite-vai-a-26/ <p>O governador José Ivo Sartori (MDB) e o ex-prefeito de Pelotas Eduardo Leite (PSDB) estão tecnicamente empatados nas intenções de voto para o primeiro turno da disputa pelo governo do Rio Grande do Sul, aponta pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira, 21.<br /><br />Sartori tem 31% das intenções de voto e Leite tem 26%. Considerando a margem de erro de três pontos porcentuais para mais ou para menos, os dois estão tecnicamente empatados. Em relação ao levantamento anterior, feito entre os dias 10 e 12 de setembro, Sartori variou dois pontos - ele tinha 29% - e o tucano também oscilou para cima - tinha 25%.<br /><br />O candidato Miguel Rossetto (PT), ex-prefeito de Poro Alegre, tem 12% da preferência do eleitorado gaúcho. Na semana anterior, ele tinha o mesmo índice. Jairo Jorge (PDT) aparece na sequência, com 6%, e é seguido por Julio Flores (PSTU), Mateus Bandeira (NOVO) e Roberto Robaina (PSOL), que figuram com 1%. O candidato Paulo de Oliveira Medeiros (PCO) não pontuou.<br /><br />Votos em branco e nulos somam 13%. Entre os entrevistados, 10% dos eleitores se declaram indecisos.<br /><br />Nas simulações de segundo turno, há empate técnico entre Eduardo Leite (40%) e José Ivo Sartori (37%). Enfrentando Rossetto, o emedebista venceria por 45% a 29%. Em uma disputa entre os candidatos do PSDB e do PT, Eduardo Leite ganharia de Miguel Rossetto por 47% a 23%.<br /><br />O Ibope ouviu 1.204 eleitores de 18 a 20 de setembro. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, com um nível de confiança de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio Grande do Sul sob o protocolo RS-07856/2018 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-00497/2018.</p> 2018-09-21T20:18:00-03:00 Esportes Pedro, do Flu, passa por cirurgia bem-sucedida e deve ter alta no sábado esportes/noticia/2518675/pedro-do-flu-passa-por-cirurgia-bem-sucedida-e-deve-ter-alta-no-sabado/ <p>A diretoria do Fluminense confirmou no fim da tarde desta sexta-feira que a cirurgia do atacante Pedro foi bem-sucedida. Um dos destaques do Brasileirão, o jogador teve operado o joelho direito e deve ficar afastado dos gramados por pelo menos seis meses. A previsão é de que ele tenha alta neste sábado. <br /> <br />Segundo os médicos do clube carioca, foi feito reparo também no menisco, além do ligamento, que já era previsto. O procedimento extra não vai alterar a data da previsão do retorno, que varia de seis a oito meses. <br /><br />"O menisco é a estrutura que amortece o impacto do joelho. Apesar de no exame clínico não apontar, tivemos certeza da lesão do menisco na artroscopia e reparamos a lesão junto com a recomposição do ligamento, que era a cirurgia maior. O pós-operatório do menisco acompanha a recomposição do ligamento, com o mesmo tempo de recuperação", explicou o médico Luiz Antônio Martins Vieira. <br /><br />Assim, o jogador só voltará aos gramados em 2019, em março, segundo a projeção mais otimista. "Ele deve retornar entre 6 a 8 meses após a cirurgia. Depois das duas primeiras semanas, já começa a fazer o tratamento com fisioterapia. Provavelmente, já deixa o hospital neste sábado, se não estiver com dor, vai depender da evolução dele, mas é isso que estamos prevendo", afirmou o médico Douglas Santos, coordenador médico do Fluminense.<br /><br />Atual vice-artilheiro do Campeonato Brasileiro ao lado de Ricardo Oliveira, do Atlético-MG, com dez gols cada, Pedro se lesionou no dia 25 de agosto, ao tentar dominar uma bola no campo de ataque, aos 46 minutos do segundo tempo, no confronto diante do Cruzeiro, pela 21ª rodada do Brasileirão. Ele sofreu uma entorse com estiramento do ligamento do joelho, que teve uma ruptura parcial.<br /><br />Antes de os médicos do Fluminense concluírem, em conjunto com o próprio Pedro, que o procedimento cirúrgico seria necessário, o atacante vinha realizando fisioterapia, na esperança de poder voltar a atuar dentro de um período mais curto de tempo. Entretanto, o tratamento conservador não teve sucesso e, com a operação, ele só poderá retornar na próxima temporada.</p> 2018-09-21T20:18:00-03:00 Economia Quanergy selecionada como parceira exclusiva LiDAR para VRCO economia/noticia/2518699/quanergy-selecionada-como-parceira-exclusiva-lidar-para-vrco/ <p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> A Quanergy Systems, Inc., líder global em design e desenvolvimento de sensores LiDAR em estado sólido e soluções de detecção inteligentes e a VRCO, designer e fabricante da aeronave e-VTOL (aterrissagem e decolagem vertical elétrica), a NeoXcraft XP2, anunciou hoje que a VRCO usará exclusivamente os sensores Lidar em estado sólido S3 da Quanergy nas versões de teste de liberação ao mercado da aeronave. </p><p id="news-body-cta" xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: <a target="_blank" href="https://www.businesswire.com/news/home/20180921005613/pt/" rel="follow" target="_blank">https://www.businesswire.com/news/home/20180921005613/pt/ </a></p><div id="bwbodyimg" style="width:480px; float:left; padding-left:0px; padding-right:20px; padding-top:0px; padding-bottom:0px;" xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><img alt="VRCO NeoXcraft XP2 with Quanergy S3 LiDAR Sensor (Graphic: Business Wire)" src="https://mms.businesswire.com/media/20180921005613/pt/679718/4/VRCO_Quanergy_Press_Image_S3V_Br.jpg"><p style="font-size:85%; ">VRCO NeoXcraft XP2 with Quanergy S3 LiDAR Sensor (Graphic: Business Wire) </p></div><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> A NeoXcraft XP2, que a VRCO e a Universidade de Derby apresentaram no final de 2017 e que pretendem lançar em 2020, é a aeronave e-VTOL de alta velocidade, preparada para terra, ar e água. A aeronave pode digitalizar e memorizar locais de decolagem e armazenar os dados para usar na próxima aproximação ao mesmo local. O sensor LiDAR em estado sólido S3 inovador da Quanergy será usado para varredura para baixo e para frente para melhorar a segurança da aeronave, fornecendo&agrave; NeoXcraft capacidade de detectar e evitar objetos na decolagem, na aproximação e na aterrissagem. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> “A VRCO está satisfeit com o suporte da Quanergy, e o uso do sensor S3 LiDAR oferece um novo nível de segurança melhorada para a NeoXcraft,” disse Michael Smith, presidente da VRCO. “No futuro, todas as NeoXcraft serão equipadas com os sensores S3 como padrão”. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> O S3 da Quanergy é o primeiro e único sensor automotivo de estado sólido LiDAR compacto e de baixo custo com o mais alto nível de desempenho e confiabilidade. Ao contrário dos seus concorrentes mecânicos, o S3 usa a tecnologia de arranjo óptico em fases. Essa tecnologia permite o direcionamento do feixe de laser eletrônico para varredura em tempo real e análise da situação, sem nenhuma peça móvel. O uso dessa tecnologia especializada melhorará ainda mais a segurança da NeoXcraft durante a decolagem e, especialmente, na aterrissagem quando é exigida alta precisão, como é o caso de aterrissagem em um super iate. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> “Uma vez que a indústria de veículos autônomos continua a evoluir, é imperativo que todos os tipos de veículos sejam equipados com tecnologia que ofereça o nível necessário de conscientização para manter os passageiros seguros estejam eles na estrada ou no ar”, disse Dr. Louay Eldada, CEO e cofundador da Quanergy. “Nosso sensor LiDAR em estado sólido S3 oferecerá&agrave;NeoXcraft a capacidade de detectar precisamente e perceber o que está ao seu redor enquanto se integra completamente ao design da aeronave”. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> Além das suas conquistas técnicas, o design compacto do S3 permite que o sensor seja integrado ao corpo da NeoXcraft. Isso permite mapeamento 3D em tempo real e detecção de objeto, rastreamento e classificação, sem comprometer a estética ou a aerodinâmica da aeronave. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> Para saber mais sobre os sensores em estado sólido S3 da Quanergy, favor visitar <a target="_blank" href="http://cts.businesswire.com/ct/CT?id=smartlink&amp;url=https%3A%2F%2Fquanergy.com%2Fs3%2F&amp;esheet=51870503&amp;newsitemid=20180921005613&amp;lan=pt-BR&amp;anchor=https%3A%2F%2Fquanergy.com%2Fs3%2F&amp;index=1&amp;md5=b2fdbb82fc91015b9e9ee13428a46d73" rel="follow" target="_blank">https://quanergy.com/s3/</a>. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><b>Sobre a Quanergy Systems, Inc.</b></p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> A Quanergy Systems, Inc. foi fundada em 2012 e construída sobre décadas de experiência de sua equipe nas áreas de óptica, fotônica, optoeletrônica, software de inteligência artificial e sistemas de controle. Com sede em Sunnyvale, na Califórnia, centro do Vale do Silício, a Quanergy oferece soluções de sensoriamento inteligente. É a principal fornecedora de sensores LiDAR e software de percepção para captura e processamento em tempo real de dados espaciais em 3D e detecção, identificação, classificação e rastreamento de objetos. Seus sensores são revolucionários em termos de preço, desempenho, segurança, tamanho, peso e capacidade. As soluções da empresa são aplicadas em vários setores, incluindo transporte, segurança, automação industrial, mapeamento 3D, mineração, agricultura, drones, robótica, espaços inteligentes e dispositivos inteligentes com recursos 3D para segurança, eficiência e qualidade de vida aprimoradas. Para obter mais informações, acesse <a target="_blank" href="http://cts.businesswire.com/ct/CT?id=smartlink&amp;url=https%3A%2F%2Fwww.quanergy.com%2F&amp;esheet=51870503&amp;newsitemid=20180921005613&amp;lan=pt-BR&amp;anchor=www.quanergy.com&amp;index=2&amp;md5=795252b2032ae7f3172b1154c30d6e76" rel="follow" target="_blank">www.quanergy.com</a>. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><b>Sobre a VRCO Ltd</b></p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> VRCO (Vehicle Redesign Company) é uma startup do setor de aviação, com sede em Midlands, Reino Unido, que desenvolve a e-VTOL NeoXcraft, aeronave de luxo, ultra segura e de alta velocidade. A empresa foi fundada em 2015 e há dois anos e meio vem projetando e desenvolvendo o protótipo do XP2 de dois lugares. NeoXcraft é uma amostra da inovação, usando compósitos melhorados de grafeno para a fuselagem, baterias em nanopolímero e equipada com aviônica avançada, interface de controle exclusiva e diversos sensores para aumentar a segurança. Mais notadamente, o S3 LiDAR da Quanergy é usado para maior segurança na aproximação, aterrissagem e decolagem. A NeoXcraft XP2, o projeto de entrada da empresa no espaço e-VTOL, deve ser lançado em 2020 e visa o mercado de luxo e alto patrímônio líquido, com o objetivo de se tornar conhecida como o super carro dos céus. Para obter mais informações, acesse <a target="_blank" href="http://cts.businesswire.com/ct/CT?id=smartlink&amp;url=http%3A%2F%2Fwww.vrco.co.uk%2F&amp;esheet=51870503&amp;newsitemid=20180921005613&amp;lan=pt-BR&amp;anchor=www.vrco.co.uk&amp;index=3&amp;md5=b76458eecb455095821e8079ce278af9" rel="follow" target="_blank">www.vrco.co.uk</a>. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"> O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal. </p><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><p xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><img alt="" src="https://cts.businesswire.com/ct/CT?id=bwnews&amp;sty=20180921005613r1&amp;sid=54681&amp;distro=ftp"><span class="bwct31415"></span></p><p id="mmgallerylink" xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml"><span id="mmgallerylink-phrase">Ver a versão original em businesswire.com: </span><span id="mmgallerylink-link"><a rel="follow" target="_blank" href="https://www.businesswire.com/news/home/20180921005613/pt/" target="_blank">https://www.businesswire.com/news/home/20180921005613/pt/</a></span></p><br/><b>Contato:</b><br/><p> Quanergy Systems, Inc.</p><p>Ann Gargiulo, +1-408-245-9500</p><p>Diretora sênior de comunicação de marketing</p><p><a target="_blank" href="mailto:media@quanergy.com">media@quanergy.com</a></p><br/><strong>Fonte: </strong><a target="_blank" href='http://www.businesswire.com/portal/site/home/' target='_blank'>BUSINESS WIRE</a><img src="http://api.dino.com.br/v2/news/tr/186519?partnerId=1370" alt="" style="border:0px;width:1px;height:1px;" /> 2018-09-21T20:01:57-03:00 Esportes Cuca confirma entrada de Bruno Henrique e diz que seguirá usando Robson Bambu esportes/noticia/2518672/cuca-confirma-entrada-de-bruno-henrique-e-diz-que-seguira-usando-robson-bambu/ <p>O técnico Cuca confirmou nesta sexta-feira que Bruno Henrique será escalado no ataque do Santos na partida contra o Cruzeiro, domingo, no Mineirão, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ele foi o escolhido para substituir Derlis González, suspenso pelo terceiro cartão amarelo recebido no clássico contra o São Paulo. <br /><br />Destaque do Santos em 2017, Bruno Henrique sofreu uma lesão no olho no primeiro compromisso da temporada e enfrentou outros problemas, algo que o impediu de repetir o mesmo desempenho neste ano, tanto que só marcou dois gols em 21 jogos. <br /><br />Cuca, porém, não perde a confiança no atacante e acredita que ele poderá brilhar diante do Cruzeiro. "O Bruno Henrique vai jogar. Ele está treinando bem. É um jogador importantíssimo", afirmou o treinador, em entrevista coletiva no CT Rei Pelé. <br /><br />Além de Derlis González, o Santos tem outro jogador suspenso, o zagueiro Gustavo Henrique. Mas Cuca evitou revelar o seu substituto, apenas confirmando que Robson Bambu vai seguir na formação titular, mesmo com o imbróglio envolvendo a renovação do seu contrato, que se encerrará em novembro. <br /><br />Assim, Lucas Veríssimo e Luiz Felipe disputam uma vaga na zaga. "Precisei dele, tínhamos só quatro zagueiros e ele vingou. Teve segurança, passou confiança e é um grande jogador. Não podemos achar que está tudo errado. O clube não tinha certeza para renovar, o empresário busca novos caminhos. Não podemos ser injustos", afirmou. <br /><br />Com a dúvida, o Santos vai entrar em campo para enfrentar o Cruzeiro com a seguinte formação: Vanderlei; Victor Ferraz, Robson Bambu, Lucas Veríssimo (Luiz Felipe) e Dodô; Alison, Diego Pituca e Carlos Sánchez; Bruno Henrique, Gabriel e Rodrygo.<br /><br />Há seis jogos invicto no Campeonato Brasileiro, o time deixou a briga contra o rebaixamento e ocupa a nona colocação com 32 pontos, passando até mesmo a sonhar com uma vaga na próxima edição da Libertadores.</p> 2018-09-21T19:52:00-03:00 Esportes Carrasco de Isaquias disputa evento no Rio e quer conhecer filho do brasileiro esportes/noticia/2518673/carrasco-de-isaquias-disputa-evento-no-rio-e-quer-conhecer-filho-do-brasileiro/ <p>O alemão Sebastian Brendel é uma lenda da canoagem velocidade. Atual campeão mundial e olímpico, ele é o grande rival de Isaquias Queiroz. E neste domingo, ambos estarão competindo no Desafio Mano a Mano, que será disputado na Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio, no mesmo palco do evento olímpico em 2016. O grande nome da disputa é mesmo Brendel, que tem três ouros olímpicos e conquistou 18 pódios em Mundiais. Confira a entrevista exclusiva do <b>Estado</b> com o atleta.<br /><br /><b>Qual sua expectativa para o duelo com o Isaquias Queiroz no Mano a Mano?</b><br /><br />Eu gosto de competir contra os melhores do mundo. As disputas com o Isaquias são sempre muito emocionantes e apertadas. Espero estar em boa forma no Rio e poder mostrar corridas interessantes para todos os espectadores.<br /><br /><b>Você tem boas recordações do Brasil?</b><br /><br />É incrível estar de volta ao Rio, dois anos depois do meu maior sucesso na carreira. Tenho boas lembranças da cidade e do povo carioca. Tenho certeza de que vou me divertir no Brasil. <br /><br /><b>Como é sua relação com o Isaquias?</b><br /><br />Nós temos muito respeito um pelo outro. Nós somos dois dos melhores atletas de canoas do mundo na atualidade. Eu gosto quando tenho a chance de competir contra os melhores atletas e Isaquias é com certeza um deles. A primeira vez que estivemos juntos em uma final foi em 2012, em uma etapa da Copa do Mundo. Um ano depois, ficamos juntos no pódio no Campeonato Mundial em Duisburg.<br /><br /><b>Te surpreendeu ele homenagear você colocando seu nome no filho dele?</b><br /><br />Com certeza fiquei muito surpreso, isso é uma grande honra para mim. Em um primeiro momento, eu realmente não sabia o que dizer a ele. Depois de um dia, eu respondi para o Isaquias: "Sebastian é um ótimo nome para seu filho". Agora, espero encontrar Sebastian pela primeira vez e dar um presente a ele.<br /><br /><b>Qual o segredo para ser um campeão na canoagem?</b><br /><br />Há diversos fatores. No começo, você deve ter a mentalidade certa para treinamento e competição. Eu trabalhei muito duro no treinos por muitos anos. Se você quer ser o melhor, você tem de fazer o melhor treinamento. Também é muito importante a família e o treinador, eles sempre me apoiam em tudo o que eu faço.<br /><br /><b>Qual sua expectativa para os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020?</b><br /><br />Espero conseguir me manter saudável ao longo dos próximos dois anos e para fazer o meu treino como planejei. Tenho certeza de que veremos disputas emocionantes na raia olímpica da canoagem e espero voltar ao pódio.<br /><br /><b>Como você consegue ser um campeão mundial de canoagem e um agente da polícia ao mesmo tempo?</b><br /><br />Eu sou da Polícia Federal, mas neste momento sou mais um atleta. A polícia me dá a chance de treinar e competir, e tenho de trabalhar como um policial apenas por um curto período de tempo no ano. Depois da minha carreira esportiva, eu posso deixar de ser atleta e me tornar um policial em tempo integral.<br /><br /><b>Você se sente invencível? Você acha que Isaquias pode te superar no futuro?</b><br /><br />Não, eu não me sinto invencível. Eu respeito os outros atletas e não é impossível me derrotar... Mas eu tento tornar isso o mais difícil possível para os meus oponentes.</p> 2018-09-21T19:49:00-03:00 Política FHC: há uma quebra de confiança no Brasil entre os políticos e a sociedade politica/noticia/2518670/fhc-ha-uma-quebra-de-confianca-no-brasil-entre-os-politicos-e-a-sociedade/ <p>O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso considerou hoje que o Brasil passa por um momento de desconfiança da sociedade na classe política, o que impõe aos políticos o desafio de transmitir às pessoas uma visão de futuro melhor.<br /><br />"Houve quebra de confiança nos homens que conduzem o País e ninguém ganha confiança sem transmitir a esperança de um futuro melhor", assinalou o tucano ao participar, ao lado do ex-presidente norte-americano Bill Clinton, de um painel no congresso da XP na capital paulista.<br /><br />O ex-presidente observou que, numa democracia, convencer o outro não depende apenas da vontade uma pessoa e que, muitas vezes, a sociedade não quer escutar, de modo que os políticos precisam apresentar à população uma "utopia possível". "Tem que ser uma utopia que as pessoas sintam que é o caminho", comentou.<br /><br />"O momento é difícil, mas temos que ver se alguém tem plano de voo. Sem plano de voo não se chega a lugar nenhum", acrescentou Fernando Henrique.</p> 2018-09-21T19:42:00-03:00 Política Na BA, Alckmin ataca Bolsonaro e Haddad e fala que 'campanha tende a se acirrar' politica/noticia/2518671/na-ba-alckmin-ataca-bolsonaro-e-haddad-e-fala-que-campanha-tende-a-se-acirrar/ <p>Após um breve corpo a corpo no Centro Histórico de Salvador, no final da tarde desta sexta-feira, 21, o candidato do PSDB, Geraldo Alckmin, participou de um comício e atacou os adversários Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT). Além disso, o tucano afirmou que "a campanha tende a se acirrar a partir de agora".<br /><br />Seguindo o tom adotado pelo prefeito de Salvador ACM Neto, que comparou Haddad a um poste que não conseguiu iluminar a capital paulista, Alckmin destacou que, se o petista não conseguiu comandar a Prefeitura da capital paulista, não conseguiria governar o Brasil.<br /><br />"Vejo um candidato que quer resolver tudo a bala e o primeiro tiro que deu foi no bolso da classe média, anunciando a volta da CPMF", afirmou, em referência a Bolsonaro, a quem classificou como o "candidato que resolver tudo à bala".<br /><br />Sobre a carta divulgada pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, conclamando uma união do centro contra extremos, Alckmin disse que "do alto da sua experiência, o presidente Fernando Henrique colocou muito bem." "Não é com extremismo que iremos resolver os problemas do Brasil, precisamos atuar num esforço conciliador", disse.<br /><br />Geraldo Alckmin culpou o governo da presidente cassada Dilma Rousseff e o PT pelo "descalabro do desemprego" e prometeu cuidar da Saúde e "enxergar quem sofre".</p> 2018-09-21T19:40:00-03:00 Política Barroso: fotografia do momento é sombria mas filme de 30 anos da democracia é bom politica/noticia/2518667/barroso-fotografia-do-momento-e-sombria-mas-filme-de-30-anos-da-democracia-e-bom/ <p>O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, avaliou nesta sexta-feira, 21, que a democracia brasileira vive um momento sombrio, pediu que - independentemente das preferências políticas e do resultado das eleições - o País reafirme compromissos democráticos e disse ver na polarização do quadro eleitoral um desdobramento do processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.<br /><br />Ao identificar, durante participação em evento promovido pela XP, fatores que influenciam a eleição ao Planalto, o magistrado considerou que, embora tenha observado ritos constitucionais, o impeachment de Dilma despertou, nas pessoas que não aceitaram o processo, um ressentimento que se aprofundou a partir das denúncias contra seu sucessor, o presidente Michel Temer, e aliados. "O quadro de polarização decorre do processo de impeachment".<br /><br />Em paralelo, observou Barroso, os escândalos de corrupção que alcançaram praticamente todos quadros da política tradicional provocou desconfiança na classe política, levando a sociedade a aspirar por um "outsider".<br /><br />Por fim, emendou o ministro, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva manteve grande influência política por causa da memória positiva sobre os sucessos nas áreas econômica e social de seus dois mandatos, bem como a dissociação da crise mais recente aos erros cometidos por seu governo. "Isso não foi abalado pelas condenações penais", assinalou.<br /><br />Por causa da independência exigida pelo cargo, Barroso ressalvou que os comentários não representam um julgamento político ou uma revelação de preferência partidária - disse que nem a esposa dele sabe em quem ele votou nas últimas eleições presidenciais. Evitou, assim, citar nomes de candidatos à sucessão presidencial.<br /><br />Porém, após argumentar que, como juiz, é seu dever zelar pelas instituições, defendeu a reafirmação dos compromissos democráticos colocando duas proposições: quem perder as eleições deve respeitar a vontade de maioria; e quem vencer deve governar sempre com respeito às regras constitucionais e direitos fundamentais de todos.<br /><br />"Quem ganhar as eleições, leva. Deve-se respeitar o direito das maiorias de governar", afirmou Barroso, acrescentando que a democracia é o regime no qual as divergências são absorvidas civilizadamente.<br /><br />Por outro lado, cobrou que o próximo presidente, para que seu governo tenha legitimidade, terá que se pautar pelas regras do jogo democrático e respeito aos direitos de todos.<br /><br />Ainda que tenha abordado "complexidades" do momento político, Barroso, durante a maior parte de sua apresentação, fez uma avaliação positiva do futuro democrático, bem como das conquistas acumuladas em três décadas de democracia no País.<br /><br />"Apesar das angustias e incertezas dessa hora, a onda de negatividade não me pegou. Estamos às vésperas de um novo começo, de refundação do Brasil, que envolve a destruição de velha ordem ... A fotografia do momento é sombria, mas o filme de 30 anos da democracia é um filme bom", sustentou o magistrado.<br /><br />Na avaliação positiva sobre o passado democrático, a referência de Barroso são três grandes conquistas dos últimos 30 anos: a estabilidade institucional; a estabilidade monetária; e, por fim, a inclusão social, com a retirada de 30 milhões a 40 milhões de pessoas da miséria.<br /><br />"Em uma geração, fomos capazes de derrotar a ditadura, a hiperinflação e a pobreza extrema", assinalou o ministro.<br /><br />Já ao tratar do futuro, Barroso expressou uma visão otimista ao destacar que a sociedade brasileira deixou de aceitar "o inaceitável", em referência à corrupção. "Essa é a energia que muda paradigmas e muda a história", declarou o ministro do Supremo.</p> 2018-09-21T19:34:00-03:00 Política Haddad volta a falar em 'acerto de contas sem ódio' e diz ser 'homem de respeito' politica/noticia/2518668/haddad-volta-a-falar-em-acerto-de-contas-sem-odio-e-diz-ser-homem-de-respeito/ <p>Em sua primeira viagem de campanha a Minas Gerais depois de confirmado candidato do PT à Presidência da República nas eleições 2018, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad voltou a falar em "acerto de contas sem ódio" nas eleições de outubro, e afirmou ser "um homem de respeito". Haddad fez comício em Betim, na Grande Belo Horizonte. Antes, esteve em Ouro Preto.<br /><br />Segundo Haddad, depois do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), que acompanhou o candidato na passagem por Minas e disputa vaga no Senado pelo Estado, e também da prisão do também ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sua eleição significará "a restituição do Brasil aos brasileiros".<br /><br />"Vamos fazer um acerto de contas sem revanchismo, sem ódio. Queremos que vocês, que o povo brasileiro, mande no Brasil. Eles têm que aprender a respeitar o resultado das urnas. O povo vai se lembrar de tudo o que aconteceu" afirmou.<br /><br />Durante o discurso, em cima de um caminhão de som no Centro de Betim, Haddad disse ainda ser um homem de respeito. "Essa semana completei 30 anos de casado. Então podem me respeitar porque sou homem de respeito", afirmou, aparentemente sem nenhuma provocação por parte de quem acompanhava o comício.<br /><br />Haddad voltou a criticar o senador Aécio Neves, candidato a deputado federal por Minas, ao falar da presidente cassada Dilma. "Quero cumprimentar essa garota que veio lá do Rio Grande do Sul e botou o senador Aécio Neves pra correr. Correu da raia", disse. Ele afirmou que "Dilma depois de eleita começou a ser sabotada por Eduardo Cunha e Aécio Neves". Em seu discurso, a ex-presidente afirmou ter voltado para o Estado para "derrotar o golpe". Haddad encerra a passagem por Minas com comício em Montes Claros, Região Norte de Minas, à noite.</p> 2018-09-21T19:31:00-03:00 Política Cármen Lúcia errou ao não pautar prisão em 2ª instância, diz Nelson Jobim politica/noticia/2518669/carmen-lucia-errou-ao-nao-pautar-prisao-em-2a-instancia-diz-nelson-jobim/ <p>O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Nelson Jobim considerou equivocada nesta sexta-feira, 21, a condução da ministra Cármen Lúcia à frente da Suprema Corte no caso envolvendo a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ocorrida em abril. Segundo Jobim, a ministra, que deixou o cargo na semana passada, errou ao não ter pautado o julgamento sobre a prisão de condenados em 2ª instância.<br /><br />"O erro de todo o problema que ocorreu em relação ao presidente Lula é que a presidente do Supremo não colocou em votação a matéria constitucional propriamente dita e resolveu votar, primeiro, o habeas corpus do presidente Lula. Assim, acabou o STF mantendo a situação anterior porque não estava se discutindo a matéria em tese", declarou Jobim em entrevista à Rádio Guaíba, de Porto Alegre.<br /><br />Em 2016, a Corte confirmou que a prisão após 2ª instância vale para todos os casos. Assim, prevalece entendimento de que Lula fique preso, em Curitiba, mesmo com alterações na composição da Corte, assim como a mudança de opinião dos magistrados.<br /><br />Porém, Nelson Jobim considera que a posição pode ser revertida no STF. "Eu sempre fui favorável de que a presunção da inocência vale até o fim, ou seja, você não pode prender sem trânsito em julgado. Esta sempre foi a minha posição e pode, hoje, talvez ser majoritária no Supremo", ressaltou.<br /><br />O ex-ministro da Defesa e da Justiça também defendeu que o recém-empossado presidente do STF, Dias Toffoli, coloque a matéria em votação em um "momento razoável", em concordância com os demais integrantes da Corte. "Eu creio que o ministro Toffoli tem absoluta noção da dimensão da presidência e vai colocar esta matéria em votação no momento em que ele encontrar razoável entendimento com os outros colegas", frisou.<br /><br />Procurado, o Supremo Tribunal Federal não se manifestou sobre a declaração de Jobim até a publicação deste texto.<br /><br /><b>MDB</b><br /><br />Sobre o cenário político, o ex-ministro do STF, que foi cotado pelo MDB para disputar a Presidência, avaliou os números de Henrique Meirelles (MDB) na pesquisa Datafolha, divulgada nesta quinta-feira, 20. <br /><br />O emedebista conta com apenas 2% das intenções de voto. De acordo com Nelson Jobim, além de Meirelles não adotar um discurso radical em busca de votos, o partido nunca teve perfil para brigar pela Presidência. "O MDB tradicionalmente não é um partido de disputas majoritárias nacionais, é um partido de Congresso. É um partido que sempre assegurou maioria dentro do Congresso, para efeito de ser o órgão de entendimento com os presidentes que foram eleitos", finalizou.</p> 2018-09-21T19:24:00-03:00 Economia Petrobras recebe pagamento da 2ª fase do programa de subvenção ao diesel economia/noticia/2518665/petrobras-recebe-pagamento-da-2a-fase-do-programa-de-subvencao-ao-diesel/ <p>A Petrobras confirmou nesta sexta-feira, 21, o recebimento relativo ao pagamento da subvenção econômica à comercialização de óleo diesel, no valor total de R$ 1,578 bilhão, referente à 2ª fase do programa.<br /><br />Segundo a empresa, são R$ 871,5 milhões correspondentes ao 1º período (de 08/06/18 a 07/07/18), e R$ 706,6 milhões correspondentes ao 2º período (de 08/07/18 a 31/07/18).<br /><br />"A companhia já submeteu à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) toda a documentação relativa à subvenção do 1º período (de 01/08/18 a 30/08/18) da 3ª fase do programa, estando dentro do prazo de análise pela autarquia que encerra em 28/09/18", informa.</p> 2018-09-21T19:21:00-03:00 Economia Techs pesam sobre Nasdaq e S&P 500, mas Dow Jones renova máxima histórica economia/noticia/2518666/techs-pesam-sobre-nasdaq-e-sp-500-mas-dow-jones-renova-maxima-historica/ <p>As bolsas de Nova York encerraram sem direção única nesta sexta-feira, 21, com as perdas das ações das gigantes de tecnologia puxando o S&P 500 e o Nasdaq para o vermelho e limitando os ganhos do Dow Jones, que, ainda assim, renovou sua máxima histórica de fechamento. Fica ainda a impressão de que o otimismo com uma resolução da guerra comercial entre os Estados Unidos e a China é o que mantém investidores na ponta compradora.<br /><br />O Dow Jones teve alta de 0,32%, aos 26.743,50, avançando 2,25% na semana. O S&P 500 cedeu 0,04%, aos 2.929,67 pontos, mas marcou ganho semanal de 0,85%, enquanto o Nasdaq recuou 0,51%, com perda de 0,29% na semana.<br /><br />Nesta tarde, o Twitter (-4,52%) revelou em seu blog oficial que consertou uma falha de programação que "pode ter, não intencionalmente, enviado" mensagens privadas de usuários para desenvolvedores parceiros da empresa.<br /><br />Além disso, a sessão desta sexta-feira foi a última antes de uma reorganização dos setores do S&P 500, que, entre outras mudanças, passará a ordenar ações como as da própria plataforma de mensagens curtas e de Alphabet (-1,63%), Facebook (-1,86%) e Netflix (-1,14%) sob o guarda-chuva de "Serviços de Telecomunicação".</p> 2018-09-21T19:17:00-03:00 Paraná Acordo prevê fechamento dos cruzamentos da BR-376, em Sarandi, até o dia 30 de novembro parana/noticia/2518664/acordo-preve-fechamento-dos-cruzamentos-da-br-376-em-sarandi-ate-o-dia-30-de-novembro/ <p>A Prefeitura de Sarandi e o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) do Paraná vão fechar definitivamente os cruzamentos na BR-376, km 182 e km 183, na altura da Avenida Rio de Janeiro e Rua Inglaterra, até o dia 30 de novembro.</p> <p>O acordo homologado, que põe fim ao assunto, foi assinado na tarde desta sexta-feira, 21, em audiência de conciliação conduzida pelo juiz José Jácomo Gimenez, da 1ª Vara Federal de Maringá. Participaram ainda da audiência, representantes do Departamento Nacional de Infraesterutura de Transportes (Dnit) e do Ministério Público, que consentiu com o prazo estipulado para o cumprimento do acordo.</p> <p>A decisão consensual extingue a ação civil protocolada em março deste ano pelo Ministério Público Federal, que pedia o fechamento dos cruzamentos por questões de segurança, em razão do alto número de acidentes no trecho. O município alegava que a decisão prejudica os moradores e a mobilidade urbana. A pedido do MPF, a Justiça concedeu liminar parcial, em julho, determinando o fechamento dos cruzamentos em 60 dias, mas, no final de agosto, o município conseguiu prorrogar o prazo para o cumprimento da liminar, válida até esta sexta-feira, quando já estava prevista nova audiência de conciliação.</p> <p>"O Município de Sarandi, para aceitação do fechamento, considerou os estudos técnicos apresentados em conjunto com o DER", consta entre os termos do acordo de duas páginas. A construção de um viaduto e outras obras pontuais já vêm sendo estudadas pelo DER e pela administração para melhorar a segurança e a mobilidade urbana.</p> <p>O Diário tentou contato com o procurador jurídico da Prefeitura de Sarandi, Fábio Massao, e com o coordenador da Região Metropolitana de Maringá, João Carvalho Pinto, mas nenhum deles atendeu as ligações.</p> https://src.odiario.com/imagem/2018/09/21/p_mg8006.JPG 2018-09-21T19:10:00-03:00