Na noite desta segunda-feira, 3, um maringaense de 27 anos foi preso em flagrante por aplicar golpes em três empresas de Foz do Iguaçu, dando um prejuízo de aproximadamente R$ 16 mil, sendo acusado por estelionato.

De acordo com a Polícia Civil da cidade, o suspeito foi preso em um hotel do centro, se passando por um organizador de eventos. Marcos Gustavo Ferro, faria um coquetel para 35 pessoas no hotel. No local, a equipe do estabelecimento o indagou sobre a demora do pagamento, quando disse que já tinha efetuado a transação.

A Polícia Civil ainda relatou que o golpe teria sido feito por uma transferência que constataram ser falsa. Com a descoberta de documentos falsos, Marcos foi encaminhado para a delegacia da Polícia Civil de Foz do Iguaçu.

De acordo com a Polícia Cívil, as empresas que sofreram o prejuízo foram uma empresa de transporte, uma agência de turismo e o hotel onde estava. Marcos é de Maringá, mas morava há pouco tempo em Foz do Iguaçu. O jovem foi preso em flagrante, mas foi liberado pelo juiz e irá responder pelo crime em liberdade.

O Diário não conseguiu contato com a defesa de Marcos, e mantém aberto o espaço para a manifestação do acusado.

Participe e comente