Coordenador do programa econômico do ex-governador Geraldo Alckmin, candidato do PSDB à Presidência da República, o economista Persio Arida disse nesta sexta-feira, 10, que, em sua opinião, não existe empresa estatal estratégica.

"Se alguém disser que estatal é estratégica, esquece. Isso é discurso de esquerda. Bolsonaro também às vezes fala em estatal estratégica. Na minha opinião, não tem estatal estratégica nenhuma", comentou o ex-presidente do Banco Central (BC) ao participar de um debate com assessores de campanhas promovido pela Fundação Lemann em São Roque, no interior de São Paulo.

Arida sustentou no evento que a boa política pública não depende de estatais. Ele aproveitou o comentário para dizer que políticas de habitação popular não precisam ser necessariamente executadas por meio da Caixa.

Citou como exemplo o modelo chileno de "voucher" imobiliário. No caso, explicou Arida, o governo concederia um voucher que permitiria financiar 10% do valor do imóvel a cada 5% poupado pelo mutuário. "O dinheiro também sai do orçamento, mas é melhor dar o dinheiro direto na mão das pessoas do que financiar por meio de um banco."

Participe e comente