A BMW divulgou mais detalhes sobre a chegada do X2, novo utilitário-esportivo compacto ao Brasil no início de maio. Importado da Alemanha, terá duas versões, sDrive20i GP e sDrive20i MSport X. O preço inicial será em torno de R$ 210 mil, pouco acima do cobrado hoje pelo X1 de entrada (R$ 191.950). A estratégia é cooptar a parte mais jovem dos consumidores desse modelo.

Na versão de topo, o valor não deve superar os R$ 232.950 do X1 mais caro e potente oferecido no País.

Importado da Alemanha, terá duas versões, sDrive20i GP e sDrive20i MSport X. De série haverá assistente de estacionamento (Parking assistant), faróis Full-LED, central multimídia com navegador GPS integrado e tela sensível ao toque, modos de condução,câmera de ré e sensores de obstáculos na frente e atrás, entre outros.

Para a versão de topo, alguns dos itens extras são o head-up display (que projeta as informações do painel no para-brisa), troca de marchas por aletas atrás do volante, bancos esportivos e pacote MSport X de visual, que inclui detalhes cromados nas carroceria e rodas de 19 polegadas.

Assim como o X1, ele é produzido sobre a plataforma UKL, para tração dianteira, e com o irmão vai partilhar também o motor, um quatro cilindros 2.0 turbo de 192 cv, a gasolina.

O câmbio é novo, um automatizado de dupla embreagem e sete marchas, que aos poucos vai ser adotado em outros modelos, como o Mini que chega renovado até o final do ano.

Com 4,36 metros de comprimento, 1,82 m de largura, 1,54 m de altura e 2,76 m de entre-eixos. Se comparado ao X1, as únicas medidas que mudaram foram o comprimento, 7 cm, e altura, 5 cm, menores. O porta-malas tem 470 litros de capacidade (35 l a menos).


ATRIBUTOS. O preço inicial do veículo será em torno de R$ 210 mil; de série, destaque para assistente de estacionamento, faróis Full-LED e diferentes modos de condução — DIVULGAÇÃO

Participe e comente